Liturgia diária, Santos Anjos da Guarda - Mt 18,1-5.10

Santos Anjos da Guarda – Mt 18,1-5.10

Santo Anjo do Senhor, meu zeloso guardador, já que a ti me confiou a Piedade Divina, sempre me rege, me guarda, me governa e ilumina, agora e sempre. Amém!

Homila Dominical

O grão de mostarda

11º Domingo do Tempo Comum – B

Em Deus que devemos colocar a nossa inabalável confiança. Nós plantamos, Deus coloca o adubo e ele vai germinar em frutos a semente plantada
10º Domingo do Tempo Comum - B

10º Domingo do Tempo Comum – B

Acolher o Reino de Jesus é participar do projeto de amor, de perdão e de comunhão. Sejamos compassivos e vivamos, verdadeiramente, como irmãos