Liturgia diária, As virgens prudentes - Mt 25,1-13

21ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico C

30 de agosto de 2019

ORAÇÃO DO DIA

Pai, seja a minha vida uma contínua preparação para o encontro contigo e com teu Filho Jesus. Que nada seja suficientemente forte para frustrar este encontro tão esperado.

PRIMEIRA LEITURA: 1Ts 4,1-8

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Tessalonicenses – 1Meus irmãos, eis o que vos pedimos e exortamos no Senhor Jesus: Aprendestes de nós como deveis viver para agradar a Deus, e já estais vivendo assim. Fazei progressos ainda maiores! 2Conheceis, de fato, as instruções que temos dado em nome do Senhor Jesus. 3Esta é a vontade de Deus: vivei na santidade, afastai-vos da impureza; 4cada um saiba tratar o seu parceiro conjugal com santidade e respeito, 5sem se deixar levar pelas paixões, como fazem os pagãos que não conhecem a Deus. 6Que ninguém, nessa matéria, prejudique ou engane seu irmão, porque o Senhor se vinga de tudo, como já vos dissemos e comprovamos. 7Deus não nos chamou à impureza, mas à santidade. 8Portanto, desprezar estes preceitos não é desprezar um homem e sim, a Deus, que nos deu o Espírito Santo.

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 96(97)

          — Ó justos, alegrai-vos no Senhor!
— Ó justos, alegrai-vos no Senhor!

— Deus é Rei! Exulte a terra de alegria, e as ilhas numerosas rejubilem! Treva e nuvem o rodeiam no seu trono, que se apoia na justiça e no direito.

— As montanhas se derretem como cera ante a face do Senhor de toda a terra; e assim proclama o céu sua justiça, todos os povos podem ver a sua glória.

— O Senhor ama os que detestam a maldade, ele protege seus fiéis e suas vidas, e da mão dos pecadores os liberta.

— Uma luz já se levanta para os justos, e a alegria, para os retos corações. Homens justos, alegrai-vos no Senhor, celebrai e bendizei seu santo nome!

EVANGELHO: Mt 25,1-13

        – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos esta parábola: 1”O Reino dos Céus é como a história das dez jovens que pegaram suas lâmpadas de óleo e saíram ao encontro do noivo. 2Cinco delas eram imprevidentes, e as outras cinco eram previdentes. 3As imprevidentes pegaram as suas lâmpadas, mas não levaram óleo consigo. 4As previdentes, porém, levaram vasilhas com óleo junto com as lâmpadas. 5O noivo estava demorando e todas elas acabaram cochilando e dormindo. 6No meio da noite, ouviu-se um grito: ‘O noivo está chegando. Ide ao seu encontro!’ 7Então as dez jovens se levantaram e prepararam as lâmpadas. 8As imprevidentes disseram às previdentes: ‘Dai-nos um pouco de óleo, porque nossas lâmpadas estão se apagando’. 9As previ­dentes responderam: ‘De modo nenhum, porque o óleo pode ser insuficiente para nós e para vós. É melhor irdes comprar aos vendedores’. 10Enquanto elas foram comprar óleo, o noivo chegou, e as que estavam preparadas entraram com ele para a festa de casamento. E a porta se fechou. 11Por fim, chegaram também as outras jovens e disseram: ‘Senhor! Senhor! Abre-nos a porta!’ l2Ele, porém, respondeu: ‘Em verdade eu vos digo: Não vos conheço!’ 13Portanto, ficai vigiando, pois não sabeis qual será o dia, nem a hora”.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Dez moças aguardavam com suas lâmpadas a chegada do noivo. Quando ele chegasse, as lâmpadas deveriam estar acesas para entrarem todos solenemente na sala da festa. Cinco moças, previdentes, tinham consigo reserva de óleo. As outras cinco não se preveniram. Quando o noivo chegou, não conseguiram acender as lâmpadas porque o óleo tinha acabado. O noivo, que é Jesus, pode demorar para chegar e pode chegar a qualquer momento. Ele vem a qualquer hora e quer que entremos com ele no céu. Vem no fim do mundo, vem na hora da nossa morte. Queremos estar preparados para acolhê-lo. Nossas lâmpadas estarão acesas com o óleo da caridade.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2019’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Na liturgia de hoje, somos convidados a refletir sobre a parábola das cinco virgens previdentes e das cinco imprevidentes. O Senhor nos pede que permaneçamos vigilantes e com as lâmpadas acesas aguardando a sua vinda.
Peçamos as luzes do Espírito Santo para compreendermos os ensinamentos de Jesus por meio de sua Palavra: “Senhor Jesus, dá-me um coração simples para compreender a riqueza de ensinamentos escondida em tua Palavra. Envia teu Espírito Santo para que eu não tenha medo de escutá-la e vivê-la conforme a tua vontade. Que a Palavra transforme o meu coração através da fé e confiança que eu deposito em ti. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto? Qual é a temática desenvolvida pela parábola? Quem é o noivo? O que representam as jovens previdentes e as imprevidentes? A quem Jesus está instruindo por meio da parábola? Qual é o seu ensinamento? Por que o Senhor nos pede a vigilância?
“A parábola das dez virgens é própria a Mateus; busca responder a seguinte questão: o que fazer enquanto o noivo é esperado? A parábola visa ilustrar o comportamento dos discípulos enquanto esperam a vinda gloriosa do seu Senhor. Para isso, o texto apresenta um grupo de dez virgens, cinco das quais eram previdentes, e as outras cinco, imprevidentes. As previdentes são caracterizadas pelo fato de levarem ‘jarros de óleo’ para alimentar as lâmpadas; as imprevidentes levaram as lâmpadas, mas não o suprimento de óleo. Com o atraso do noivo, acabaram, todas elas, dormindo. Ao grito que anunciava a chegada do noivo, todas despertaram e prepararam as lâmpadas. As imprevidentes se dão conta de que o óleo não será suficiente. Ter que providenciar o óleo à chegada do noivo fez com que as imprevidentes perdessem a oportunidade de entrar na festa de casamento. Qual é a mensagem para os discípulos? O que é preciso fazer? As virgens previdentes desejavam fortemente participar das bodas; por isso, não mediram esforços e imaginação para que tal acontecesse. Elas se preveniram e previram o que poderia acontecer. Daí que, desde o início, elas participavam das bodas. As imprevidentes se deixaram levar por outras preocupações e se contentaram com o mínimo necessário: uma lâmpada e um pouco de óleo. O comportamento delas foi a causa de não entrarem na festa” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
“Tem muita gente que brinca com as coisas de Deus. Acha que terá tempo para mudar de vida, para se converter, para aceitar o projeto de vida de Jesus. Nem sempre a vida é como programamos. Os caminhos do Senhor não são os nossos. As moças do Evangelho tiveram a oportunidade de entrar na festa de casamento, bastando ter azeite na lamparina. Mas cinco delas brincaram e jogaram a oportunidade fora. Quando o noivo chegou, estavam despreparadas. Não entraram na festa. Ficaram batendo na porta, mas ninguém abriu. O casamento é o Reino, o noivo é Jesus, a festa é a salvação. Tenho levado a sério meu processo de conversão cotidiano? Não sabemos nem o dia nem a hora!” (Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).

Oração (Vida)
Com as palavras da canção que segue, renove as disposições para permanecer vigilante na espera do Senhor.
Como aquele empregado que vigia sem parar,
Pois não sabe a hora certa que o senhor vai retornar,
Como um guarda vigilante esperando a madrugada,
E o viajante que anseia pela hora da chegada,
Com as lâmpadas acesas te esperamos, ó Senhor.

Como a mãe espera o filho que de longe vai chegar,
Como alguém espera atento seu amor que vai voltar,
Como quem resiste e luta trabalhando na mudança,
Do que é velho no que é novo com a força da esperança,
Com as lâmpadas acesas te esperamos, ó Senhor.

Como um povo generoso que constrói em mutirão,
Uma casa onde todos tenham terra, paz e pão,
Como o sol ao despontar traz de volta a luz do dia,
Como a noite que se acaba numa aurora de alegria,
Com as lâmpadas acesas te esperamos, ó Senhor.
(Música: Vigília. Composição: M. Luiza Ricciardi/Emmanuel)

Contemplação (Vida e Missão)
De que forma a Palavra de Deus estará presente neste seu dia? O que você deseja colocar em prática, segundo os ensinamentos de Jesus?

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas