Oração diária, Como mereço que a mãe do meu Senhor venha me visitar? - Lc 1,39-45

4º Domingo do Advento – Ano Litúrgico C

23 de dezembro de 2018

ORAÇÃO DO DIA

Pai, a exemplo de Isabel, anseio conhecer a verdadeira identidade de Maria que, na sua humildade, tornou-se o ser humano abençoado por excelência.

PRIMEIRA LEITURA: Mq 5,1-4a

Leitura da Profecia de Miquéias – Assim diz o Senhor: 1Tu, Belém de Éfrata, pequenina entre os mil povoados de Judá, de ti há de sair aquele que dominará em Israel; sua origem vem de tempos remotos, desde os dias da eternidade.
2Deus deixará seu povo ao abandono, até ao tempo em que uma mãe der à luz; e o resto de seus irmãos se voltará para os filhos de Israel.
3Ele não recuará, apascentará com a força do Senhor e com a majestade do nome do Senhor seu Deus; os homens viverão em paz, pois ele agora estenderá o poder até os confins da terra, 4ae ele mesmo será a Paz.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 79

— Fazei, Senhor, brilhar a vossa face, convertei-nos para que sejamos salvos.
— Fazei, Senhor, brilhar a vossa face, convertei-nos para que sejamos salvos.

— Ó Pastor de Israel, prestai ouvidos./ Vós que sobre os querubins vos assentais, aparecei cheio de glória e esplendor! Despertai vosso poder,/ ó nosso Deus/ e vinde logo nos trazer a salvação!

— Voltai-vos para nós, Deus do universo!/ Olhai dos altos céus e observai./ Visitai a vossa vinha e protegei-a!/ Foi a vossa mão direita que a plantou;/ protegei-a e ao rebento que firmastes!

— Pousai a mão por sobre o vosso Protegido,/ o filho do homem que escolhestes para vós!/ E nunca
mais vos deixaremos, Senhor Deus!/ Dai-nos a vida e louvaremos vosso nome!

SEGUNDA LEITURA: Hb 10,5-10

Leitura da Carta aos Hebreus – Irmãos: 5Ao entrar no mundo, Cristo afirma: “Tu não quiseste vítima nem oferenda, mas formaste-me um corpo. 6Não foram do teu agrado holocaustos nem sacrifícios pelo pecado.7Por isso eu disse: ‘Eis que venho. No livro está escrito a meu respeito: Eu vim, ó Deus, para fazer a tua vontade’”.
8Depois de dizer: “Tu não quiseste nem te agradaram vítimas, oferendas, holocaustos, sacrifícios pelo pecado” – coisas oferecidas segundo a Lei –, 9ele acrescenta: “Eu vim para fazer a tua vontade”. Com isso suprime o primeiro sacrifício, para estabelecer o segundo. 10É graças a esta vontade que somos santificados pela oferenda do corpo de Jesus Cristo, realizada uma vez por todas.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

EVANGELHO: Lc 1,39-45

– O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

39Naqueles dias, Maria partiu para a região montanhosa, dirigindo-se, apressadamente, a uma cidade da Judeia. 40Entrou na casa de Zacarias e cumprimentou Isabel. 41Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, a criança pulou no seu ventre e Isabel ficou cheia do Espírito Santo.
42Com um grande grito exclamou: “Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre! 43Como posso merecer que a mãe do meu Senhor me venha visitar? 44Logo que a tua saudação chegou aos meus ouvidos, a criança pulou de alegria no meu ventre. 45Bem-aventurada aquela que acreditou, porque será cumprido o que o Senhor lhe prometeu”.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Terminamos o Advento em companhia de Maria. Nela está em gestação o Filho de Deus. Ao dar-lhe à luz, ela o colocará no coração da humanidade. Ele nasce para todos. Quem é esta mulher? É bendita entre todas, porque bendito é o fruto do seu ventre. Acreditou no que lhe foi dito pelo mensageiro do Senhor e tudo será cumprido. Um sinal lhe foi dado na família de Isabel e Zacarias. Sua prima também estava grávida, apesar da idade avançada. Maria foi depressa até a casa de Isabel, não para verificar se era verdade o que o anjo tinha dito, mas para ajudá-la. Maria imediatamente pensou: “Isabel precisa de alguém”. E foi apressadamente para a região montanhosa de Ein Karem, onde vivia a família do precursor de Jesus, São João Batista. O ambiente é de alegria, de prestação de serviço, de fraternidade. Tudo respira felicidade. Feliz é aquela que acreditou. É tanta a alegria que o futuro austero João dança no ventre de sua mãe. “O menino pulou de alegria no meu ventre.” […] Neste Tempo de Advento, a comunidade cristã dá a Maria o título de Nossa Senhora da Expectação. Sua imagem é a de uma mulher grávida, prestes a dar à luz. Maria é chamada também de Nossa Senhora do Ó, porque, desde o dia 17 de dezembro, cada dia recita-se uma antífona começando com a interjeição “ó” antes de um título dado a Jesus Cristo: Ó Sabedoria, Ó Adonai, Ó Raiz de Jessé, Ó Chave de Davi, Ó Sol Nascente, Ó Rei das Nações, Ó Emanuel! Vinde, enfim, para salvar-nos, ó Senhor e nosso Deus!

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2018’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Celebramos o 4º domingo do Advento. Esta é uma ocasião propícia para reavivar a nossa fé, realimentar nossa esperança e consolidar o amor em nossa relação com Deus e com os irmãos. Hoje, com Isabel, proclamamos Maria bendita entre as mulheres, e Jesus, o bendito fruto do seu ventre.
Silenciando o coração, repita algumas vezes a oração: “Jesus Mestre, iluminai minha mente, movei meu coração, para que esta meditação produza em mim frutos de vida. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto? Quais palavras chamaram sua atenção durante a leitura? Detenha-se na atitude de Maria em visitar sua prima Isabel. Retome cada palavra pronunciada por Isabel, que destaca as maravilhas realizadas por Deus em Maria.
“[…] Maria, ao saber, por revelação, da gravidez de sua prima Isabel, parte sem demora para a Judeia, a fim de ajudar a sua parente que já era de idade avançada. Essa disponibilidade de Maria é impressionante, pois ela mesma está grávida e, ao invés de pensar em si, ela prefere pensar em ajudar a sua prima. Pensar no outro, cuidar do outro, se solidarizar com o outro é uma boa preparação para a festa de Natal. Mas não é de estranhar essa disponibilidade, porque, quando da anunciação do anjo, ela havia se colocado inteiramente disponível ao projeto de salvação de Deus. Maria não pensou em si, optou por doar-se a Deus e aos outros. Isso tudo é fruto da fé em Deus, de uma fé adulta e madura. A mãe do precursor, repleta do Espírito Santo, estando diante da mãe do Messias, faz, humildemente, uma bela profissão de fé: ‘Como posso merecer que a mãe do meu Senhor me venha visitar?’. A presença do Senhor no ventre de Maria comunica a João e a sua mãe uma alegria intensa. O mistério do Natal é o mistério do amor e de um dom: ‘Deus amou tanto o mundo que deu o seu Filho único’ (Jo 3,16)” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você hoje? Leia-o novamente e procure identificar a mensagem comunicada a sua vida.
“Neste domingo, é forte o anúncio da chegada de Deus entre nós, Deus Conosco, Emanuel, concebido em Maria por obra do Espírito Santo. Isabel elogia Maria e a chama de feliz, porque ela acreditou que as coisas ditas pelo Senhor iriam se cumprir. Assim, Maria, feita totalmente serva do Senhor, aparece como perfeito modelo do discípulo. A melhor resposta a ser dada à gratuidade da salvação é a entrega pessoal e comunitária: ‘Estamos aqui para fazer a tua vontade!’” (Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).

Oração (Vida)
“Ó Maria, tu és bendita entre todas as mulheres. Tu que acreditaste! O Poderoso fez maravilhas por ti! A maravilha de tua maternidade divina e, em vista dela, a maravilha de teu sim. Tu foste verdadeiramente associada a toda obra da redenção, unida à cruz de nosso Salvador. Teu coração foi transpassado o lado de seu Coração. E agora, na glória de teu Filho, não cessas de interceder por nós, pobres pecadores. Tu velas sobre a Igreja, da qual és Mãe. Velas sobre cada um dos teus filhos e filhas. Obtém de Deus para nós todas as graças, com a única condição de que ousemos pedi-las, e nos aproximemos de ti com confiança, com audácia e simplicidade de criança. É assim que tu nos levas sem cessar ao teu divino Filho… Ó Maria! Eu te pertenço totalmente!” (São João Paulo II, no livro “Mensagens para o ano todo”, da Paulinas Editora).

Contemplação (Vida e Missão)
Com a Palavra de Deus na mente e no coração, qual atitude você se propõe viver hoje?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas