Liturgia diária, Devemos estar atentos e vigilantes - Lc 12,35-38

29ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

24 de outubro de 2017

ORAÇÃO DO DIA

Pai, somente em ti quero centrar as minhas opções mais profundas, para não permitir que o egoísmo tome conta do meu coração e me afaste de ti.

PRIMEIRA LEITURA: Rm 5,12.15b.17-19.20b-21 

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos

Irmãos, 12o pecado entrou no mundo por um só homem. Através do pecado, entrou a morte. E a morte passou para todos os homens, porque todos pecaram. 15bA transgressão de um só levou a multidão humana à morte, mas foi de modo bem mais superior que a graça de Deus, ou seja, o dom gratuito concedido através de um só homem, Jesus Cristo, se derramou em abundância sobre todos.
17Por um só homem, pela falta de um só homem, a morte começou a reinar. Muito mais reinarão na vida, pela mediação de um só, Jesus Cristo, os que recebem o dom gratuito e superabundante da justiça.
18Como a falta de um só acarretou condenação para todos os homens, assim o ato de justiça de um só trouxe, para todos os homens, a justificação que dá a vida. 19Com efeito, como pela desobediência de um só homem a humanidade toda foi estabelecida numa situação de pecado, assim também, pela obediência de um só, toda a humanidade passará para uma situação de justiça.
20bPorém, onde se multiplicou o pecado, aí superabundou a graça. 21Enfim, como o pecado tem reinado pela morte, que a graça reine pela justiça, para a vida eterna, por Jesus Cristo, Senhor nosso

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 40

          — Eis que venho fazer, com prazer, a vossa vontade, Senhor.
— Eis que venho fazer, com prazer, a vossa vontade, Senhor.

— Sacrifício e oblação não qui­ses­tes, mas abristes, Senhor, meus ouvidos; não pedistes ofertas nem vítimas, holocaustos por nossos pecados, e então eu vos disse: “Eis que venho!”
— Sobre mim está escrito no livro: “Com prazer faço a vossa vontade, guardo em meu coração vossa lei!”
— Boas novas de vossa justiça anunciei numa grande assembleia; vós sabeis: não fechei os meus lábios!
— Mas se alegre e em vós rejubile todo ser que vos busca, Senhor!” Digam sempre: “É grande o Senhor!” os que buscam em vós seu auxílio

EVANGELHO:  Lc 12,35-38

          – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 35Que vossos rins estejam cingidos e as lâmpadas acesas. 36Sede como homens que estão esperando seu senhor voltar de uma festa de casamento, para lhe abrirem, imediatamente, a porta, logo que ele chegar e bater. 37Felizes os empregados que o senhor encontrar acordados quando chegar. Em verdade, eu vos digo: Ele mesmo vai cingir-se, fazê-los sentar-se à mesa e, passando, os servirá. 38E caso ele chegue à meia-noite ou às três da madrugada, felizes serão, se assim os encontrar!

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Somos convidados a estar vigilantes porque o Senhor pode chegar a qualquer hora. O que isto quer dizer na prática? Quer dizer que podemos morrer a qualquer hora, quer dizer que podemos também perder as condições de vida normal e sermos inutilizados para qualquer tarefa, como resultado de uma enfermidade ou de um acidente inesperado, quer dizer que o mundo pode acabar quando menos esperamos. No fim dos tempos, o Senhor voltará em sua glória para julgar os vivos e os mortos. Esta afirmação faz parte da nossa profissão de fé. Como acontecerá, quando acontecerá? Só o Pai sabe. Por isso a melhor coisa é ficar de prontidão para não sermos surpreendidos. Bem-dispostos, fazendo o bem, prontos para acolher o Senhor que chega, assim queremos estar quando ele vier. Felizes os servos que o senhor encontrar acordados, fazendo o bem e não desatentos, desinteressados, praticando o mal, maltratando o próximo. No fim dos tempos haverá a ressurreição de todos e o juízo universal. Antes deste fim glorioso para o qual queremos estar preparados, há o fim do tempo de cada um de nós. Para este devemos estar atentos e vigilantes como se fosse o dia do juízo universal. Na porta de entrada da eternidade, Jesus dirá o que já sabemos: “Eu tive fome, e você me deu de comer”.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Hoje a Igreja celebra Santo Antonio Maria Claret. Peçamos sua intercessão para que testemunhemos o Evangelho de Jesus Cristo. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! Oremos: “Senhor Jesus Cristo, envia sobre nós, como prometeste, teu Espírito Santo. Que ele nos conceda a vida e nos ensine a plenitude da verdade. Que nele encontremos salvação, felicidade e plenitude de amor. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? “Ficai de prontidão, com o cinto amarrado e as lâmpadas acesas. Sede como pessoas que estão esperando seu senhor voltar de uma festa de casamento, para abrir a porta, logo que ele chegar e bater.” O texto de hoje chama nossa atenção para a vigilância. Faça a leitura do Evangelho e destaque os versículos ou palavras que mais lhe chamaram atenção. Qual é a mensagem central do texto?

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você? Este é o momento da sua meditação com a Palavra de Deus. Leia o Evangelho novamente, com calma, e, diante da Palavra, escute o que o Senhor tem a lhe dizer. Qual caminho Ele lhe indica?

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Por meio da oração, falamos ao coração de Deus, que está sempre pronto para nos escutar. Aproxime-se do Senhor e faça a sua oração pessoal, apresentando-lhe suas necessidades, suas preces, seus louvores e agradecimentos. Agradeça a Deus tudo que Ele realiza em sua vida.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? O que você experimenta por meio do Evangelho de hoje? O que a Palavra desperta em você? De que modo você pretende vivê-la?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.