Oração diária, A mulher pecadora - Lc 7,36-50

24ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico C

19 de setembro de 2019

ORAÇÃO DO DIA

Pai, purifica-me de toda forma de orgulho que me leva a desprezar meu semelhante e a julgar-me superior a ele. Como Jesus, desejo estar próximo de quem se afastou de ti.

PRIMEIRA LEITURA: 1Tm 4,12-16

Leitura da Primeira Carta de São Paulo a Timóteo – Caríssimo, 12ninguém te despreze por seres jovem. Pelo contrário, serve de exemplo para os fiéis, na palavra, na conduta, na caridade, na fé, na pureza.
13Até que eu chegue, dedica-te à leitura, à exortação, ao ensino.
14Não descuides o dom da graça que tu tens e que te foi dada por indicação da profecia, acompanhada da imposição das mãos do presbitério.
15Com perseverança, põe estas coisas em prática, para que todos vejam o teu progresso. 16Cuida de ti mesmo e daquilo que ensinas. Mostra-te perseverante. Assim te salvarás a ti mesmo e também àqueles que te escutam.

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO

         — Grandiosas são as obras do Senhor!
— Grandiosas são as obras do Senhor!

— Suas obras são verdade e são justiça, seus preceitos, todos eles, são estáveis, confirmados para sempre e pelos séculos, realizados na verdade e retidão.

— Enviou libertação para o seu povo, confirmou sua Aliança para sempre. Seu nome é santo e é digno de respeito.

— Temer a Deus é o princípio do saber, e é sábio todo aquele que o pratica. Permaneça eternamente o seu louvor.

EVANGELHO: Lc 7,36-50

        – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 36um fariseu convidou Jesus para uma refeição em sua casa. Jesus entrou na casa do fariseu e pôs-se à mesa.
37Certa mulher, conhecida na cidade como pecadora, soube que Jesus estava à mesa, na casa do fariseu. Ela trouxe um frasco de alabastro com perfume, 38e, ficando por detrás, chorava aos pés de Jesus; com as lágrimas começou a banhar-lhe os pés, enxugava-os com os cabelos, cobria-os de beijos e os ungia com o perfume.
39Vendo isso, o fariseu que o havia convidado ficou pensando: “Se este homem fosse um profeta, saberia que 40tipo de mulher está tocando nele, pois é uma pecadora”.
Jesus disse então ao fariseu: “Simão, tenho uma coisa para te dizer”. Simão respondeu: “Fala, mestre”! 41“Certo credor tinha dois devedores; um lhe devia quinhentas moedas de prata, o outro cinquenta. 42Como não tivessem com que pagar, o homem perdoou os dois. Qual deles o amará mais?” 43Simão respondeu: “Acho que é aquele ao qual perdoou mais”. Jesus lhe disse: “Tu julgaste corretamente”.
44Então Jesus virou-se para a mulher e disse a Simão: “Estás vendo esta mulher? Quando entrei em tua casa, tu não me ofereceste água para lavar os pés; ela, porém, banhou meus pés com lágrimas e enxugou-os com os cabelos. 45Tu não me deste o beijo de saudação; ela, porém, desde que entrei, não parou de beijar meus pés. 46Tu não derramaste óleo na minha cabeça; ela, porém, ungiu meus pés com perfume. 47Por esta razão, eu te declaro: os muitos pecados que ela cometeu estão perdoados porque ela mostrou muito amor. Aquele a quem se perdoa pouco mostra pouco amor”. 48E Jesus disse à mulher: “Teus pecados estão perdoados”. 49Então, os convidados começaram a pensar: “Quem é este que até perdoa pecados?” 50Mas Jesus disse à mulher: “Tua fé te salvou. Vai em paz”.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

São Pedro diz que o amor cobre uma multidão de pecados. São Tiago, por sua vez, diz que aquele que reconduz um pecador desencaminhado salvará sua alma da morte e cobrirá uma multidão de pecados. E Jesus disse ao fariseu sobre a mulher pecadora: “Os muitos pecados que ela cometeu estão perdoados, pois ela mostrou muito amor”. Multiplique os atos de amor e vá em paz!

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2019’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
O Evangelho de hoje nos convida a refletir sobre o perdão e a misericórdia. O gesto da mulher que unge os pés de Jesus com perfume e os enxuga com os cabelos revela a acolhida e a misericórdia de Deus que ela encontrou em Jesus. Que o Espírito Santo abra o nosso coração para acolhermos os ensinamentos de Jesus para o nosso dia.
Rezemos: “Ó divino Espírito, ensina-me tudo quanto Jesus ensinou. Dá-me inteligência para entender; memória para lembrar; vontade dócil para praticar; coração generoso para corresponder aos teus convites. Tira de mim o coração de pedra para substituí-lo por um coração sensível. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto? A quem Jesus está se dirigindo? Qual desafio a comunidade é convidada a enfrentar? Qual é o desejo de Deus que o evangelista nos transmite por meio da narrativa? Qual é o apelo principal que o texto nos faz?
“Jesus vai à casa de quem lhe convida e acolhe quem o procura. Até mesmo na casa daqueles que lhe fazem oposição, ele vai e se assenta à mesa. Ele aposta nas pessoas. É a terceira vez que Jesus é convidado e aceita ir à casa de um fariseu (5,29-32; 19,1-10). Estando à mesa na casa de Simão, o fariseu, uma pecadora da cidade entra na casa e faz como que os gestos típicos da lei de hospitalidade, à diferença que, ao invés de água para os pés, são suas próprias lágrimas utilizadas e, ao invés de toalha, ela enxuga os pés de Jesus com os seus cabelos, além de perfumá-los. A objeção de Simão informa o leitor que não se pode deixar tocar por uma pecadora. Para responder à objeção do fariseu, Jesus conta uma parábola seguida imediatamente de uma pergunta a Simão. A parábola ressalta a gratuidade do credor: é Deus quem perdoa, e não importa qual o tamanho da dívida. Deus perdoou a mulher por sua fé em Jesus. Os gestos da mulher exprimem profunda fé naquele que a pode salvar. É uma profissão de fé sem palavras. Aqui, os gestos são muito mais eloquentes. Em Jesus ela encontra acolhida, pode experimentar a misericórdia de Deus e ver descortinar para si a possibilidade de uma vida nova” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você hoje? Como você acolhe os ensinamentos de Jesus em sua vida? O que o Senhor o(a) convida a viver? Quais sentimentos a Palavra despertou em seu coração?
“Jesus é um Deus que se deixa tocar por pecadores, mesmo que o pecador fosse uma mulher, dentro do contexto de sua época, uma vez que tal manifestação era proibida. Por isso, o fariseu se escandaliza quando Jesus se deixa tocar por ela. Jesus observa a grandeza do gesto dela e a frieza do acolhimento do fariseu, que não lhe deu as honras de hóspede. Na atitude da pecadora, um sinal-ritual da Paixão de Jesus. Essa mulher vai aos pés de Jesus para agradecer e para receber o perdão. Jesus reconhece muito amor naquele coração ferido e sedento de vida nova, de paz. Ela recebe o perdão e a salvação ao mesmo tempo. Ela sai da presença do Senhor experimentando uma profunda paz interior e de consciência” (Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).

Oração (Vida)
Invocações a Jesus Mestre
Jesus Mestre, santificai meus pensamentos e aumentai minha fé. Jesus Mestre, libertai-me do desânimo e fortificai minha esperança. Jesus, Mestre vivo na Igreja, ajudai-me a viver a solidariedade e o amor. Jesus Mestre, caminho entre o Pai e nós, tudo vos ofereço e de Vós tudo espero. Jesus, caminho da santidade, tornai-me vosso fiel seguidor. Jesus Caminho, tornai-me perfeito como o Pai que está nos céus. Jesus Vida, vivei em mim, para que eu viva em Vós. Jesus Vida, fazei-me viver eternamente na alegria do vosso amor. Jesus Verdade, que eu seja luz para o mundo. Jesus Caminho, que eu seja vossa testemunha autêntica diante de todos. Jesus Vida, fazei que minha presença comunique vosso amor e vossa alegria. Amém.

Contemplação (Vida e Missão)
De que forma a Palavra de Deus estará presente neste seu dia? O que você deseja colocar em prática segundo os ensinamentos de Jesus?

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas