Oração diária, João continua dando seu testemunho - Jo 1,35-42

Tempo do Natal antes da Epifania – Ano Litúrgico C

04 de janeiro de 2019

ORAÇÃO DO DIA

Pai, faze-me permanecer sempre junto a teu Filho Jesus, enviado por ti para realizar todas as nossas esperanças de salvação.

PRIMEIRA LEITURA: 1Jo 3,7-10

Leitura da Primeira Carta de São João – 7Filhinhos, que ninguém vos desencaminhe. O que pratica a justiça é justo, assim como ele é justo. 8Aquele que comete o pecado é do diabo, porque o diabo é pecador desde o princípio. Para isto é que o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do diabo. 9Todo aquele que nasceu de Deus não comete pecado, porque a semente de Deus fica nele; ele não pode pecar, pois nasceu de Deus. 10Nisto se revela quem é filho de Deus e quem é filho do diabo: todo o que não pratica a justiça não é de Deus, nem aquele que não ama seu irmão

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 97

          — Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus.
— Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus.

— Cantai ao Senhor Deus um canto novo, porque ele fez prodígios! Sua mão e seu braço forte e santo alcançaram-lhe a vitória. 

— Aplauda o mar com todo ser que nele vive, o mundo inteiro e toda gente! As montanhas e os rios batam palmas e exultem de alegria! 

— Na presença do Senhor, pois ele vem, vem julgar a terra inteira. Julgará o universo com justiça e as nações com equidade.

EVANGELHO: Jo 1,35-42

          – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
          – Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São João.
          – Glória a vós, Senhor.

         Naquele tempo, 35João estava de novo com dois de seus discípulos 36e, vendo Jesus passar, disse: “Eis o Cordeiro de Deus!” 37Ouvindo essas palavras, os dois discípulos seguiram Jesus. 38Voltando-se para eles e vendo que o estavam seguindo, Jesus perguntou: “Que estais procurando?” Eles disseram: “Rabi (que quer dizer: Mestre), onde moras?” 39Jesus respondeu: “Vinde ver”. Foram pois ver onde ele morava e, nesse dia, permaneceram com ele. Era por volta das quatro da tarde. 40André, irmão de Simão Pedro, era um dos dois que ouviram as palavras de João e seguiram Jesus. 41Ele foi logo encontrar seu irmão Simão e lhe disse: “Encontramos o Messias (que quer dizer: Cristo)”. 42Então André conduziu Simão a Jesus. Jesus olhou bem para ele e disse: “Tu és Simão, filho de João; tu serás chamado Cefas” (que quer dizer: Pedra).

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

João continua dando seu testemunho. Ele estava com dois de seus discípulos, quando Jesus passou por eles. João, então, afirma, mais uma vez: “Eis o Cordeiro de Deus!”. Uma afirmação teológica, de quem vê além das aparências. Jesus não é um cordeiro. É um ser humano, mas veio para realizar o que os cordeiros sacrificados anunciavam. Veio tirar o pecado do mundo. Os dois discípulos seguiram Jesus, uma vez que seguir é próprio de um discípulo, e passaram com Jesus o resto da tarde. Começa então a se realizar o que foi dito no Prólogo: “João veio a fim de que todos cressem por meio dele”. De João saem os discípulos e eles iniciam uma corrente. Um chama o outro até o dia de hoje. André chama seu irmão, Simão, e lhe anuncia: “Encontramos o Cristo, o Messias!”. Simão, por sua vez, se encontra com Jesus, e desse encontro surge uma missão. Simão será chamado Pedro, a pedra do fundamento da Igreja.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2019’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
No Evangelho de hoje, dois discípulos seguem Jesus para descobrir onde Ele mora. Jesus, voltando-se para eles, faz um convite: “Vinde ver”. Abramos o nosso coração para acolher os ensinamentos que o Mestre quer revelar para o nosso dia.
Peçamos: “Vinde, Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai, Senhor, o vosso Espírito, e tudo será criado, e renovareis a face da terra. Oremos: Senhor, nosso Deus, que pela luz do Espírito Santo instruístes o coração dos vossos fiéis, fazei-nos dóceis ao mesmo Espírito, para apreciarmos o que é justo e nos alegrarmos sempre com a sua presença. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.

Leitura (Verdade)
Leia o texto, repetindo as palavras ou frases que mais chamaram sua atenção. Detenha-se nas palavras de Jesus. Qual comportamento a narrativa nos motiva a viver?
“O testemunho de João Batista suscita nos seus ouvintes o seguimento do Senhor. Já dissemos anteriormente que uma das características do quarto evangelho é a corrente de testemunhas desencadeada pelo encontro com Jesus Cristo. Salvaguardando a cristologia como tema central, em que se afirma que Jesus é o ‘Cordeiro de Deus’, o evangelho de hoje apresenta algumas características fundamentais do discípulo, segundo o evangelho de João: é aquele que ouve e recebe o testemunho, que busca encontrar o Senhor, que deseja conhecê-lo e que aceita o convite do ‘Rabbi’: vai, vê, permanece e se torna testemunha do Messias” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
“Belas páginas! Primeiro, João Batista se alegra com Jesus por ele estar assumindo seu ministério. João aponta para Jesus e diz: ‘Eis o Cordeiro de Deus’. A reação dos seus discípulos é imediata: seguem Jesus. Olhando para trás, Jesus percebe que está sendo seguido e pergunta: ‘O que procurais?’. A resposta é outra pergunta: ‘Mestre, onde moras?’. ‘Vinde e vede’, disse Jesus. Naquele dia, permaneceram com Jesus. Segundo, o desafio de evangelizar a própria família. André corre para chamar seu irmão, Simão, e dizer-lhe: ‘Encontramos o Cristo!’. André leva Simão a Jesus. Essa é a nossa missão no mundo: conduzir as pessoas a um encontro pessoal com Jesus, começando pelos nossos familiares, e permanecer nele!” (Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).

Oração (Vida)
Ao Senhor entregamos a nossa vida e este novo dia. A Ele confiamos as pessoas que amamos e todas aquelas com as quais partilharemos a vida. Agradeçamos ao Senhor seus ensinamentos. Rezemos: “Senhor Jesus, concede-me crer firmemente no amor que Tu me revelaste e que doaste no teu Evangelho. Faze que eu ouça cada dia a tua voz que me chama a seguir-te para sentir sempre em mim os benefícios da tua redenção. Amém” (São João Paulo II).

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? Quais apelos você sentiu em seu coração? Quais compromissos deseja assumir em sua vida?

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas