Liturgia diária, Não basta repetir: Senhor, Senhor - Mt 7,21.24-27

1º Semana do Advento – Ano Litúrgico B

07 de dezembro de 2017

ORAÇÃO DO DIA

Pai, livra-me de reduzir minha adesão a Jesus a mero palavreado. Ajuda-me a transformar os ensinamentos dele em norma de vida. Assim estarei fazendo a tua vontade.

PRIMEIRA LEITURA: Is 26,1-6

Leitura do Profeta Isaías

1Naquele dia, cantarão este canto em Judá: “Uma cidade fortificada é a nossa segurança; o Senhor cercou-a de muros e antemuro. 2Abri as suas portas, para que entre um povo justo, cumpridor da palavra, 3firme em seu propósito; e tu lhe conservarás a paz, porque confia em ti. 4Esperai no Senhor por todos os tempos, o Senhor é a rocha eterna. 5Ele derrubou os que habitam no alto, há de humilhar a cidade orgulhosa, deitando-a por terra, até fazê-la beijar o chão. 6Hão de pisá-la os pés, os pés dos pobres, as passadas dos humildes”.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 118

          — Bendito é aquele que vem vindo em nome do Senhor.
— Bendito é aquele que vem vindo em nome do Senhor.

— Dai graças ao Senhor porque ele é bom! “Eterna é a sua misericórdia!” É melhor buscar refúgio no Senhor, do que pôr no ser humano a esperança; é melhor buscar refúgio no Senhor, do que contar com os poderosos do mundo!”

— Abri-me vós, abri-me as portas da justiça; quero entrar para dar graças ao Senhor! “Sim, esta é a porta do Senhor, por ela só os justos entrarão!” Dou-vos graças, ó Senhor, porque me ou¬vistes e vos tornastes para mim o Salvador!

— Ó Senhor, dai-nos a vossa salvação, ó Senhor, dai-nos também prosperidade! Bendito seja, em nome do Senhor, aquele que em seus átrios vai entrando! Desta casa do Senhor vos bendizemos. Que o Senhor e nosso Deus nos ilumine!

EVANGELHO:  Mt 7,21.24-27

– O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 21“Nem todo aquele que me diz: ‘Senhor, Senhor’, entrará no Reino dos Céus, mas o que põe em prática a vontade de meu Pai que está nos céus. 24Portanto, quem ouve estas minhas palavras e as põe em prática, é como um homem prudente, que construiu sua casa sobre a rocha. 25Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos deram contra a casa, mas a casa não caiu, porque estava cons¬truída sobre a rocha. 26Por outro lado, quem ouve estas minhas palavras e não as põe em prática, é como um homem sem juízo, que construiu sua casa sobre a areia. 27Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos sopraram e deram contra a casa, e a casa caiu, e sua ruína foi completa!”

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Não basta falar, é preciso praticar. Não basta repetir “Senhor, Senhor”, é preciso pôr em prática a vontade do Pai que está nos céus. Quando o Senhor vier, deve encontrar a casa bem construída e bem administrada, deve encontrar a família em ordem e feliz. O fundamento de uma construção sólida é Jesus Cristo, ensina São Paulo. Sobre esse alicerce que deve permanecer firme e sempre o mesmo cada um constrói como pode e como deixam. A obra pode perecer pela fraqueza do material empregado, o construtor não terá a satisfação de ver a obra feita; ele mesmo, porém, não receberá nenhuma punição porque fez o que pôde sobre um alicerce estável. O material empregado pode ter a qualidade da palha e desaparecer com o primeiro incêndio. Havia um material mais sólido que foi desviado. Impediram o construtor de usar algo melhor e lhe deram apenas palha. Nossa liberdade se envolve em circunstâncias que não dependem de nós. A desavença dentro de casa pode ser resultado de um mau caráter e pode ser consequência de falta de emprego. Queremos pôr em prática a vontade do Pai que está no céu.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
No Evangelho de hoje, lemos o relato do homem prudente que construiu a sua casa sobre a rocha. Jesus usa essa imagem para exemplificar a atitude de todo aquele que alicerça a vida em sua Palavra. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém. Peçamos essa graça ao Espírito Santo: “Vem, Espírito Santo! Faze-nos amar as Escrituras, para reconhecermos a voz viva de Jesus. Torna-nos humildes e simples, a fim de compreendermos os mistérios do Reino de Deus. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? “Quem ouve estas minhas palavras e as põe em prática é como um homem sensato, que construiu sua casa sobre a rocha.” Leia o texto do Evangelho de hoje com calma, quantas vezes julgar necessário, e destaque os verbos e os personagens que surgem durante a narrativa. Quais comparações Jesus faz para falar daqueles que escutam a sua Palavra? Quais elementos são fundamentais para que uma construção tenha firmeza e segurança? Quais ensinamentos Jesus nos transmite por meio do Evangelho de hoje?

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você? Como você acolhe os ensinamentos de Jesus em sua vida? Sobre quais alicerces estão sustentados a sua vida, seus projetos e seus objetivos? Qual convite o Senhor lhe faz por meio do Evangelho de hoje? Releia o texto e faça a sua meditação.

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Faça a sua oração ao Senhor, pois sua Palavra, neste momento, se torna vida em sua vida. A sua oração pode ser de louvor, súplica ou perdão pelas vezes em que o alicerce de sua vida não foi a Palavra de Deus. Apresente ao Senhor os seus irmãos necessitados e reze pela paz no mundo.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? De que forma você deseja colocar em prática os apelos que a Palavra de Deus despertou em você neste dia?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém