Liturgia diária, Não cometerás adultério - Mt 5,27-32

10ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

16 de junho de 2017

ORAÇÃO DO DIA

Ó Deus, fonte de todo bem, atendei ao nosso apelo e fazei-nos, por vossa inspiração, pensar o que é certo e realizá-lo com vossa ajuda.

PRIMEIRA LEITURA: 2Cor 4,7-15

Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos, 7trazemos esse tesouro em vasos de barro, para que todos reconheçam que este poder extraordinário vem de Deus e não de nós. 8Somos afligidos de todos os lados, mas não vencidos pela angústia; postos entre os maiores apuros, mas sem perder a esperança; 9perseguidos, mas não desamparados; derrubados, mas não aniquilados; 10por toda a parte e sempre levamos em nós mesmos os sofrimentos mortais de Jesus, para que também a vida de Jesus seja manifestada em nossos corpos.
11De fato, nós, os vivos, somos continuamente entregues à morte, por causa de Jesus, para que também a vida de Jesus seja manifestada em nossa natureza mortal. 12Assim, a morte age em nós, enquanto a vida age em vós. 13Mas, sustentados pelo mesmo espírito de fé, conforme o que está escrito: “Eu creio e, por isso, falei”, nós também cremos e, por isso, falamos, 14certos de que aquele que ressuscitou o Senhor Jesus nos ressuscitará também com Jesus e nos porá a seu lado, juntamente convosco. 15E tudo isso é por causa de vós, para que a abundância da graça em um número maior de pessoas faça crescer a ação de graças para a glória de Deus.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 115,10-18

          — Oferto ao Senhor um sacrifício de louvor.
— Oferto ao Senhor um sacrifício de louvor.

— Guardei a minha fé, mesmo dizendo: “É demais o sofrimento em minha vida!” Confiei, quando dizia na aflição: “Todo homem é mentiroso! Todo homem!”

— É sentida por demais pelo Senhor a morte de seus santos, seus amigos. Eis que sou o vosso servo, ó Senhor, vosso servo que nasceu de vossa serva; mas me quebrastes os grilhões da escravidão!

— Por isso oferto um sacrifício de louvor, invocando o nome santo do Senhor. Vou cumprir minhas promessas ao Senhor na presença de seu povo reunido.

EVANGELHO:  Mt 5,27-32

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

         Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 27“Ouvistes o que foi dito: ‘Não cometerás adultério’. 28Eu, porém, vos digo: Todo aquele que olhar para uma mulher, com o desejo de possuí-la, já cometeu adultério com ela no seu coração. 29Se o teu olho direito é para ti ocasião de pecado, arranca-o e joga-o para longe de ti! De fato, é melhor perder um de teus membros do que todo o teu corpo ser jogado no inferno. 30Se tua mão direita é para ti ocasião de pecado, corta-a e joga-a para longe de ti! De fato, é melhor perder um dos teus membros, do que todo o teu corpo ir para o inferno.
31Foi dito também: ‘Quem se divorciar de sua mulher, dê-lhe uma certidão de divórcio’. 32Eu, porém, vos digo: Todo aquele que se divorcia de sua mulher, a não ser por motivo de união irregular, faz com que ela se torne adúltera; e quem se casa com a mulher divorciada comete adultério”.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Não cometer adultério é o que está escrito e deve ser entendido e observado. Seu significado, porém, nos faz dar passos mais largos. O respeito pelo marido de outra pessoa ou pela esposa de alguém começa na nossa mente, nos nossos pensamentos. O que é concebido na mente pode se tornar realidade na vida, tanto o que é bom quanto o que é mau. A versão latina do salmo 7 fala de alguém que concebe a iniquidade, engravida de malícia e dá à luz a trapaça. Desejo, imaginação e ação costumam andar juntos, e a imaginação é considerada a louca da casa. Jesus leva o relacionamento matrimonial muito a sério. Ele usa expressões-limite como arrancar o olho, cortar a mão, ir para o inferno. São atitudes extremas contrapostas ao que está na outra ponta, que são o valor e a beleza do casamento. Transforme a união matrimonial em sacramento, em sinal do amor de Deus pela humanidade, em sinal da vitória do amor apesar das aparências de fracasso. Na vida familiar, há muita gente envolvida que pode sofrer sem precisar.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

“Ouvistes que foi dito: ‘Não cometerás adultério’. Ora, eu vos digo: todo aquele que olhar para uma mulher com o desejo de possuí-la, já cometeu adultério com ela em seu coração. Se teu olho direito te leva à queda, arranca-o e joga para longe de ti! De fato, é melhor perderes um de teus membros do que todo o corpo ser lançado ao inferno. Se a tua mão direita te leva à queda, corta-a e joga-a para longe de ti! De fato, é melhor perderes um de teus membros do que todo o corpo ir para o inferno. Foi dito também: ‘Quem despedir sua mulher dê-lhe um atestado de divórcio’. Ora, eu vos digo: todo aquele que despedir sua mulher – fora o caso de união ilícita – faz com que ela se torne adúltera; e quem se casa com a mulher que foi despedida comete adultério.”

Oração Inicial
Neste início de nossa oração, apresentemos ao Senhor o desejo de estar com Ele e ouvir os seus ensinamentos por meio da Palavra. Peçamos as luzes do Espírito Santo e para que Ele venha sobre nós, para assim ouvirmos o que o Senhor tem a nos dizer.
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! “Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai, Senhor, o vosso Espírito, e tudo será criado.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? No começo do Evangelho de hoje, há um verbo que nos remete à atitude que precisamos ter durante a leitura orante: “Ouvistes”. É o que precisamos fazer quando oramos com a Palavra de Deus: ouvir a voz do Senhor. Aproxime-se do texto bíblico e faça a leitura pausadamente, destacando os verbos e as palavras que mais lhe chamam atenção. Recorde outros textos que possam ajudá-lo(a) na compreensão deste e procure identificar a mensagem central do Evangelho.

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você? Faça a meditação e mantenha em mente o Evangelho que acabou de ler. Se sentir necessidade, leia-o novamente e deixe-se tocar por ele. O Senhor fala com você por meio de sua Palavra: escute-o, não o perca de vista e medite aquilo que Ele direciona a seu coração.

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Na oração, somos convidados(as) a mudar de vida, e essa mudança é provocada pela ação da Palavra de Deus em nós. Aproxime-se do Senhor e faça a sua oração de gratidão, louvor ou súplica. Sem medo, diga ao Senhor o que deseja.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? Que sentimento você experimenta? Que atitude deseja viver neste dia?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.