Liturgia diária, Não vim abolir a Lei e os profetas. - Mt 5,17-19

10ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

14 de junho de 2017

ORAÇÃO DO DIA

Ó Deus, fonte de todo bem, atendei ao nosso apelo e fazei-nos, por vossa inspiração, pensar o que é certo e realizá-lo com vossa ajuda.

PRIMEIRA LEITURA: 2Cor 3,4-11

Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios –

Irmãos, 4é por Cristo que temos tal confiança perante Deus, 5não porque sejamos capazes por nós mesmos de ter algum pensamento, como de nós mesmos, mas essa nossa capacidade vem de Deus. 6Ele é que nos tornou capazes de exercer o ministério de uma aliança nova. Esta não é uma aliança da letra, mas do Espírito. Pois a letra mata, mas o Espírito comunica a vida. 7Se o ministério da morte, gravado em pedras com letras, foi cercado de tanta glória, que os israelitas não podiam fitar o rosto de Moisés, por causa do seu fulgor, ainda que passageiro, 8quanto mais glorioso não será o ministério do Espírito? 9Pois, se o ministério, da condenação foi glorioso, muito mais glorioso há de ser o ministério ao serviço da justificação. 10Realmente em comparação com uma glória, tão eminente, já não se pode chamar glória o que então tinha sido glorioso. 11Pois se o que era passageiro foi marcado de glória, muito mais glorioso será o que permanece.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 98

          Santo é o Senhor nosso Deus!
— Santo é o Senhor nosso Deus!

— Exaltai o Senhor nosso Deus e prostrai-vos perante seus pés, pois é santo o Senhor nosso Deus!

— Eis Moisés e Aarão entre os seus sacerdotes. E também Samuel invocava seu nome, e ele mesmo, o Senhor, os ouvia.

— Da coluna de nuvem falava com eles. E guardavam a lei e os preceitos divinos, que o Senhor nosso Deus tinha dado.

— Respondíeis a eles, Senhor nosso Deus, porque éreis um Deus paciente com eles, mas sabíeis punir seu pecado.

— Exaltai o Senhor nosso Deus e prostrai-vos perante seu monte, pois é santo o Senhor nosso Deus!

EVANGELHO:  Mt 5,17-19

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

         Naquele tempo; disse Jesus aos seus discípulos: 17“Não penseis que vim abolir a Lei e os Profetas. Não vim para abolir, mas para dar-lhes pleno cumprimento. 18Em verdade, eu vos digo: antes que o céu e a terra deixem de existir, nem uma só letra ou vírgula serão tiradas da Lei, sem que tudo se cumpra. 19Portanto, quem desobedecer a um só destes mandamentos, por menor que seja, e ensinar os outros a fazerem o mesmo, será considerado o menor no Reino dos Céus. Porém, quem os praticar e ensinar será considerado grande no Reino dos Céus”.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

A expressão “Lei e Profetas” significa a Bíblia toda. Jesus não veio abolir o que está escrito na Bíblia. Ele veio cumprir. Alguém poderia pensar que, com a vinda de Jesus, o Antigo Testamento se tornou de fato antigo e superado. No início do cristianismo, Marcião dizia que o Deus do Antigo Testamento não era o mesmo Deus de Jesus no Novo Testamento. Nos tempos modernos, por razões políticas e antijudaicas, há quem defenda somente a leitura do Novo Testamento. Para a Igreja Católica, a Bíblia é formada pelos livros da Primeira Aliança ou Antigo Testamento, que se encontram na Bíblia grega, chamada dos Setenta, e os livros do Novo Testamento. Todos eles são livros inspirados por Deus e são Palavra de Deus para todos os tempos. Anos antes de Cristo, setenta sábios traduziram a Bíblia hebraica para o grego. Alguns dos livros hebraicos se perderam, mas se conservaram na versão grega. Por isso a Bíblia dos católicos e dos ortodoxos têm mais livros do que a Bíblia hebraica adotada por Lutero na Reforma. Os mandamentos de Deus são um caminho de sabedoria para quem quiser praticá-los. São como um professor que orienta os alunos e abre para eles cada dia horizontes novos. Os mandamentos são para serem praticados e ensinados, mas são animados por um espírito e pelo Espírito, que vai além da letra.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Coloquemo-nos diante de Deus Trindade e iniciemos a nossa oração em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! Peçamos que o Espírito Santo de Deus venha e ilumine a nossa vida. Que a sua graça nos alcance e que seus dons se renovem em nós. “Vinde, Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? “Não penseis que vim abolir a Lei e os Profetas. Não vim para abolir, mas para cumprir.” Faça a leitura do texto, quantas vezes julgar necessário, e destaque os pontos que mais lhe chamaram atenção. No Evangelho de hoje, Jesus traz para a sua pregação as expressões “Lei” e “Profetas”. O que Jesus quer dizer quando explica que não veio abolir a Lei e os Profetas?

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você? Qual versículo ou palavra mais o(a) tocou? Qual você percebeu que Deus direciona a você? Se sentir necessidade, releia o Evangelho, repasse cada palavra e permita que ele fale ao seu coração.

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Aproxime-se do Senhor e faça a sua oração, que pode ser de gratidão, perdão, súplica ou louvor. Se sentir necessidade, recorra a algum Salmo que o(a) ajude a rezar.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? Faça uma síntese da Palavra para vivê-la hoje.

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.