Liturgia diária, O consolo da mãe com a ressurreição do filho - Lc 7,11-17

24ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

19 de setembro de 2017

ORAÇÃO DO DIA

Pai, torna-me sensível ao sofrimento e à dor de cada pessoa que encontro no meu caminho. Que a minha compaixão se demonstre com gestos concretos.

PRIMEIRA LEITURA: 1Tm 3,1-13

Leitura da primeira carta de são Paulo a Timóteo – Caríssimo, 1Eis uma coisa certa: quem aspira ao episcopado, saiba que está desejando uma função sublime. 2Porque o bispo tem o dever de ser irrepreensível, casado uma só vez, sóbrio, prudente, regrado no seu proceder, hospitaleiro, capaz de ensinar. 3Não deve ser dado a bebidas, nem violento, mas condescendente, pacífico, desinteressado; 4deve saber governar bem a sua casa, educar os seus filhos na obediência e na castidade. 5Pois quem não sabe governar a sua própria casa, como terá cuidado da Igreja de Deus? 6Não pode ser um recém-convertido, para não acontecer que, ofuscado pela vaidade, venha a cair na mesma condenação que o demônio. 7Importa, outrossim, que goze de boa consideração por parte dos de fora, para que não se exponha ao desprezo e caia assim nas ciladas diabólicas. 8Do mesmo modo, os diáconos sejam honestos, não de duas atitudes nem propensos ao excesso da bebida e ao espírito de lucro; 9que guardem o mistério da fé numa consciência pura. 10Antes de poderem exercer o seu ministério, sejam provados para que se tenha certeza de que são irrepreensíveis. 11As mulheres também sejam honestas, não difamadoras, mas sóbrias e fiéis em tudo. 12Os diáconos não sejam casados senão uma vez, e saibam governar os filhos e a casa. 13E os que desempenharem bem este ministério, alcançarão honrosa posição e grande confiança na fé, em Jesus Cristo.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 100

          — Viverei na pureza do meu coração!
— Viverei na pureza do meu coração!

— Eu quero cantar o amor e a justiça, cantar os meus hinos a vós, ó Senhor! Desejo trilhar o caminho do bem, mas quando vireis até mim, ó Senhor?

— Viverei na pureza do meu coração, no meio de toda a minha família. Diante dos olhos eu nunca terei qualquer coisa má, injustiça ou pecado.

— Farei que se cale diante de mim quem é falso e às ocultas difama seu próximo; o coração orgulhoso, o olhar arrogante não vou suportar e não quero nem ver.

— Aos fiéis desta terra eu volto meus olhos; que eles estejam bem perto de mim! Aquele que vive fazendo o bem será meu ministro, será meu amigo.

EVANGELHO: Lc 7,11-17

          – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 11No dia seguinte dirigiu-se Jesus a uma cidade chamada Naim. Iam com ele diversos discípulos e muito povo. 12Ao chegar perto da porta da cidade, eis que levavam um defunto a ser sepultado, filho único de uma viúva; acompanhava-a muita gente da cidade. 13Vendo-a o Senhor, movido de compaixão para com ela, disse-lhe: Não chores! 14E aproximando-se, tocou no esquife, e os que o levavam pararam. Disse Jesus: Moço, eu te ordeno, levanta-te. 15Sentou-se o que estivera morto e começou a falar, e Jesus entregou-o à sua mãe. 16Apoderou-se de todos o temor, e glorificavam a Deus, dizendo: Um grande profeta surgiu entre nós: Deus voltou os olhos para o seu povo. 17A notícia deste fato correu por toda a Judéia e por toda a circunvizinhança

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Deus visita o seu povo. Em Naim, o sinal da visita foi o consolo da mãe com a ressurreição do filho. O jovem morto podia estar a caminho do paraíso, mas sua mãe estava sofrendo. Jesus o ressuscitou e devolveu à sua mãe. Foi o sinal da presença de um grande profeta, foi o sinal de que Deus estava visitando o seu povo. Nas portas da cidadezinha de Naim, o clima era triste por causa do enterro do jovem falecido. O clima triste se tornou espanto e glorificação, não, porém, espetáculo. Nas Sagradas Escrituras, a visita de Deus às vezes tem o sentido de visita punitiva. Há, de fato, situações que pedem punições exemplares para que se veja a gravidade da culpa. Jeremias fala dos que praticam o mal no meio do povo, que vão tropeçar e cair entre os que caem quando Deus os visitar. Jesus usa expressões-limite como fogo do inferno e se lamenta por Betsaida, Corazim e Jerusalém. No entanto, por onde passa, Jesus passa fazendo o bem. É o Deus encarnado cujo coração se enche de compaixão diante de pessoas tristes e abandonadas.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Hoje celebramos o dia de São Januário. O Salmo de hoje traz como resposta: “Viverei na pureza do meu coração”. Peçamos a intercessão de São Januário para alcançarmos essa graça. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! “Ó Espírito Santo, vinde e enchei o nosso coração com o vosso amor. Ensinai-nos a viver vossa Palavra de vida.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? Jesus aproximou-se do caixão em que estava o filho falecido de uma viúva e disse: “Jovem, eu te digo, levanta-te!”. Leia o texto quantas vezes julgar necessário e destaque os verbos que chamarem sua atenção. Quais expressões se repetem? Quais personagens surgem durante a narrativa? O que Jesus faz?

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você? Que palavra mais chamou sua atenção durante a leitura? Medite essa palavra que mais o(a) tocou e repita a leitura. Permita que a Palavra se misture com sua vida e escute o que Deus quer lhe dizer por meio dela.

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Neste momento de oração, silencie por um instante seu coração e reflita sobre a Palavra, que se faz vida em sua vida. Conte ao Senhor como ela o(a) tocou e faça a sua oração sem medo, dizendo a Deus o que você deseja.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra? Como você deseja viver a Palavra de Deus neste dia?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.