Oração diária, A lâmpada do corpo é o olho - Mt 6,19-23

São Luís Gonzaga – Ano Litúrgico C

21 de junho de 2019

ORAÇÃO DO DIA

Pai, dá-me sabedoria suficiente para buscar sempre o tesouro verdadeiro, e assim estar seguro de que em ti coloquei o meu coração.

PRIMEIRA LEITURA: 2 Cor 11,18.21b-30

Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos, 18já que muitos se gloriam segundo a carne, eu também me gloriarei. 21bO que outros ousam dizer em vantagem própria, eu também o digo a meu respeito, embora fale como insensato.
22São hebreus? Eu também. São israelitas? Eu também. São da descendência de Abraão? Eu também. 23São servos de Cristo? Como menos sensato digo: Eu ainda mais. De fato, muito mais do que eles: pelos trabalhos, pelas prisões, pelos açoites sem conta.
Muitas vezes, vi-me em perigo de morte. 24Cinco vezes recebi dos judeus quarenta açoites menos um. 25Três vezes, fui batido com varas. Uma vez, fui apedrejado. Três vezes, naufraguei. Passei uma noite e um dia em alto-mar.
26Fiz inúmeras viagens, com inúmeros perigos: perigos de rios, perigos de ladrões, perigos da parte de meus compatriotas, perigos da parte dos pagãos, perigos na cidade, perigos em lugares desertos, perigos no mar, perigos por parte de falsos irmãos.
27Trabalhos e fadigas, inúmeras vigílias, fome e sede, frequentes jejuns, frio e nudez! 28E, sem falar de outras coisas, a minha preocupação de cada dia, a solicitude por todas as Igrejas! 29Quem é fraco, que eu também não seja fraco com ele? Quem é escandalizado, que eu não fique ardendo de indignação? 30Se é preciso gloriar-se, é de minhas fraquezas que me gloriarei! 

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 33(34)

          — O Senhor liberta os justos de todas as angústias!
— O Senhor liberta os justos de todas as angústias!

— Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo, seu louvor estará sempre em minha boca. Minha alma se gloria no Senhor; que ouçam os humildes e se alegrem!

— Comigo engrandecei ao Senhor Deus, exaltemos todos juntos o seu nome! Todas as vezes que o busquei, ele me ouviu, e de todos os temores me livrou.

— Contemplai a sua face e alegrai-vos, e vosso rosto não se cubra de vergonha! Este infeliz gritou a Deus, e foi ouvido, e o Senhor o libertou de toda angústia.

EVANGELHO: Mt 6,19-23

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
          – Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

         Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 19“Não junteis tesouros aqui na terra, onde a traça e a ferrugem destroem, e os ladrões assaltam e roubam. 20Ao contrário, juntai para vós tesouros no céu, onde nem a traça e a ferrugem destroem, nem os ladrões assaltam e roubam. 21Porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração. 
22O olho é a lâmpada do corpo. Se o teu olho é sadio, todo o teu corpo ficará iluminado. 23Se o teu olho está doente, todo o corpo ficará na escuridão. Ora, se a luz que existe em ti é escuridão, como será grande a escuridão.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

O Sermão da Montanha abre a nossa mente com princípios que libertam e orientam o nosso dia. Olhando à nossa volta, vemos tanta coisa que um dia a traça e a ferrugem vão destruir. Se entrar aqui um ladrão certamente terá com que se divertir. Não posso deixar o espaço sem nada, não apenas por estética, mas por necessidade. Todos precisamos de um suporte material para a nossa sobrevivência. No entanto, há muita coisa ao meu redor que retarda a caminhada para o que é definitivo. Ou há muita coisa aqui sobrando, que está faltando para alguém. Onde está o meu tesouro, aí está meu coração. O que tem real valor para mim? O que quero desta vida? O que busco nesta terra? Para onde estou olhando. Meu olhar é puro e límpido, ou é ruim e interesseiro? A lâmpada do corpo é o olho. Se o olho for ruim, tudo ficará nas trevas. Não é à toa que se fala em olho gordo e mau-olhado. Olho gordo é o olhar da inveja e da cobiça. Mau-olhado é o olhar da maldade. Os olhos são o espelho da alma. Eles falam. Demonstram amor e carinho e demostram raiva e ódio. O ódio turva o olhar. Hoje, o Evangelho de São Mateus nos orienta a pingar um colírio inocente em nossos olhos para que eles vejam o mundo com o olhar de Jesus. Na criação do mundo, Deus viu que tudo era bom.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2019’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Memória litúrgica de São Luís Gonzaga. Luís, um jovem rico e bem-sucedido, ingressou na Companhia de Jesus com apenas 16 anos de idade, escandalizando a nobreza do seu tempo. Morreu aos 23 anos e é patrono da juventude e dos estudantes. Ao Senhor entregamos este novo dia e pedimos ao Espírito Santo que nos conceda a graça do discernimento para buscarmos, a exemplo de São Luís Gonzaga, o verdadeiro tesouro que deve orientar a nossa vida, nosso agir e nossas decisões.
Rezemos: “Espírito Divino, luz de Deus, vinde nos iluminar, para que possamos compreender o sentido profundo da Palavra de Deus. Fazei-nos discípulos missionários de Jesus, Caminho, Verdade e Vida, transformando nosso coração em terra boa, onde a Palavra produza frutos abundantes. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto? A quem Jesus está instruindo? Por que Jesus nos pede para não acumularmos riquezas na terra? O que significa juntar tesouros no céu? O que você entende por “a lâmpada do corpo é o olho”?
“O ser humano, dotado de saúde psíquica, não pode passar a sua existência sem se decidir. Para viver plenamente ele tem que fazer uma escolha fundamental que realiza a sua liberdade, recebida como dom de Deus. Em que engajar toda a vida? Para essa resposta não há meio-termo possível. Quem fala de tesouro, fala de valor, do que é importante, do que determina o curso de uma atividade e o seu empenho. O nosso texto põe em confronto dois tipos de tesouros: os da terra e os do céu. Cada pessoa possui um tesouro; cada um vincula a sua vida a um valor que determina e move seu modo de agir e suas decisões. O que importa é o que engaja a pessoa por inteiro, define e orienta a sua vida. Ao cristão importa juntar tesouros no céu, isto é, viver os valores do céu revelados em Jesus Cristo. O que é passageiro e fugaz é só aparência; é preciso fazer o coração repousar no que não passa. Deus não passa; a palavra de Cristo não passa. O olho provoca o desejo; ele é mesmo uma fonte de desejos. O olho será luz à medida que o desejo for bom, isto é, à medida que a atração for pelas coisas celestes. Se o olho, no entanto, for seduzido pelo mal, ele conduzirá a pessoa às trevas. Assim diz o provérbio: ‘Olhar altivo, coração orgulhoso, a lâmpada dos ímpios não é senão pecado’ (Pr 21,4)” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
“Passamos toda a nossa vida juntando. E são tantas coisas que guardamos dentro dos nossos sonhos e do nosso coração. Por vezes, nossa vida está tão cheia de tralhas que muito mais nos atrapalham do que nos ajudam a viver. Jesus convida a juntar tesouros no céu, onde a traça e a ferrugem não destroem, os ladrões não assaltam. Sentimentos ruins, ambições, materialismo, orgulho, egoísmo, tanta coisa vamos deixando sufocar nossa vida! Quanto tesouro que não presta para nada! Por isso, convém ouvir o coração e olhar para o próprio coração e perceber que tesouro ele guarda dentro dele. Será que o tesouro de nossa vida é Jesus? Será que estamos juntando um verdadeiro tesouro no céu? Que tenho guardado dentro de mim?” (Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).

Oração (Vida)
Apresente ao Senhor o apelo que brotou em seu coração e peça a graça de vivê-lo durante o dia.

Contemplação (Vida e Missão)
Como você pretende viver concretamente, durante o dia, os apelos que o Senhor lhe revelou?

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas