Liturgia diária Olha, nós deixamos tudo e te seguimos - Mc 10,28-31

8ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico C

05 de março de 2019

ORAÇÃO DO DIA

Pai, dá-me a graça de entregar-me totalmente ao serviço do Reino, sem esperar outra recompensa além de saber-me amado por ti.

PRIMEIRA LEITURA: Eclo 35,1-15

Leitura do Livro do Eclesiástico – 1Aquele que guarda a lei faz muitas oferendas; 2aquele que cumpre os preceitos oferece um sacrifício salutar (3).4Aquele que mostra agradecimento, oferece flor de farinha, e o que pratica a beneficência oferece um sacrifício de louvor.
5O que agrada ao Senhor é afastar-se do mal, e o que o aplaca é deixar a injustiça. 6Não te apresentes na presença de Deus de mãos vazias, 7porque tudo isso se faz em virtude do preceito. 8O sacrifício do justo enriquece o altar, o seu perfume sobe ao Altís­simo. 9A oblação do justo é aceitável, e sua memória não cairá no esquecimento.
10Honra ao Senhor com coração generoso e não regateies as primícias que apresentares. 11Faze todas as tuas oferendas com semblante sereno, e com alegria consagra o teu dízimo. 12Dá a Deus segundo a doação que ele te fez, e com generosidade, conforme as tuas posses; 13porque ele é um Deus retri­buidor, e te recompensará sete vezes mais. 14Não tentes corrom­pê-lo com presentes: ele não os aceita; 15nem confies em sacrifício injusto, porque o Senhor é um juiz que não faz discriminação de pessoas

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 49

        — A todos que procedem retamente, eu mostrarei a salvação que vem de Deus.
— A todos que procedem retamente, eu mostrarei a salvação que vem de Deus.

— “Reuni à minha frente os meus eleitos, que selaram a Aliança em sacrifícios!” Testemunha o próprio céu seu julgamento, porque Deus mesmo é juiz e vai julgar.

— “Escuta, ó meu povo, eu vou falar; ouve, Israel, eu testemunho contra ti: Eu, o Senhor, somente eu, sou o teu Deus! Eu não venho censurar teus sacrifícios, pois sempre estão perante mim teus holocaustos.

— Imola a Deus um sacrifício de louvor e cumpre os votos que fizeste ao Altíssimo. Quem me oferece um sacrifício de louvor, este sim é que me honra de verdade. A todo homem que procede retamente, eu mostrarei a salvação que vem de Deus.

EVANGELHO: Mc 10,28-31

– O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Marcos.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 28começou Pedro a dizer a Jesus: “Eis que nós deixamos tudo e te seguimos”. 29Respondeu Jesus: “Em verdade vos digo, quem tiver deixado casa, irmãos, irmãs, mãe, pai, filhos, campos, por causa de mim e do Evangelho, 30receberá cem vezes mais agora, durante esta vida — casa, irmãos, irmãs, mães, filhos e campos, com perseguições — e, no mundo futuro, a vida eterna.
31Muitos que agora são os primeiros serão os últimos. E muitos que agora são os últimos serão os primeiros”.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Jesus estava dizendo que as riquezas podem dificultar a entrada no Reino de Deus. Pedro, então, se adianta e quer saber o que vão ganhar, eles que deixaram tudo para segui-lo. Jesus responde que quem deixar o que o impede de viver por causa de Cristo e de seu Evangelho receberá cem vezes mais neste mundo e, no mundo futuro, a vida eterna. O impedimento pode ser ou a casa, ou os irmãos, ou as irmãs, ou a mãe, ou o pai ou os filhos, ou os campos. Não é para deixar tudo. É para deixar o que se torna obstáculo ao seguimento de Cristo. Receberá cem vezes mais de tudo o que deixou, menos o pai. O pai aparece na primeira lista, mas não na segunda, porque na vida eterna somente Deus é o Pai e nos dará tudo o que for preciso para a nossa plena realização, inclusive o nosso querido pai deste mundo. Tudo, porém, será dado com perseguições. Seremos testados o tempo todo de diversas maneiras. A fidelidade ao nosso projeto de viver por causa de Cristo e do seu Evangelho será testada pelas perseguições. O que se requer é fidelidade ao projeto. Hoje é carnaval. Antigamente era o dia de comer carne, daí o nome “carnaval”, antes da grande abstinência da Quaresma. Brinquemos hoje honestamente e comecemos amanhã, com boa disposição, o sagrado Tempo da Quaresma, que nos levará à Páscoa da ressurreição.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2019’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
No seguimento de Jesus Cristo, tudo adquire sentido para o discípulo e por isso, ele é capaz de dizer, a exemplo de Pedro: “Nós deixamos tudo e te seguimos”. Acolhamos a Palavra de Deus neste dia e os apelos que o Senhor revela ao nosso coração nesta leitura orante.
Oremos: “Ó divino Espírito, ensina-me tudo quanto Jesus ensinou. Dá-me inteligência para entender; memória para lembrar; vontade dócil para praticar; coração generoso para corresponder aos teus convites. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto? Faça uma leitura atenta e observe o contexto da narrativa e o diálogo dos personagens. Qual é o ponto de partida do ensinamento de Jesus? Como você entende essa “recompensa” de “cem vezes mais agora, durante esta vida, e no mundo futuro, vida eterna”, prometida aos que deixam tudo por causa de Jesus e do evangelho? Por que Jesus afirma que “muitos que são primeiros serão últimos; e muitos que são últimos serão primeiros”?
“Em continuidade com o episódio anterior, temos a impressão de que, no trecho de hoje, a questão da vida eterna continua, agora, na observação de Pedro. Esse diálogo dá a Jesus a possibilidade de afirmar que, deixando tudo, em razão do chamado ao seu seguimento, é que se tem o cêntuplo (v. 30). Deixar para ter a plenitude. ‘Cem vezes mais’ não é uma operação matemática; ela simboliza que no seguimento de Jesus Cristo, e para além do tempo de sua vida terrestre, tudo adquire sentido para o discípulo e tudo ocupa o seu devido lugar. A recompensa do discípulo é o chamado a seguir Jesus e o próprio seguimento, pois Ele permite a graça de viver a vida do Senhor. A recompensa não é acerto de contas por algo realizado e merecido. Na vida cristã a recompensa é um dom de Deus. A vida eterna, enquanto dom, é a comunhão com o Pai e o Filho (cf. Jo 17,2-3) no Espírito Santo. Nesse sentido, ela não é um dom exclusivo para a ‘outra vida’, mas uma graça dada na provisoriedade do tempo para que se possa desejar essa comunhão na eternidade, onde nossa vida será plenamente transfigurada em Cristo” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você hoje? O que significa deixar tudo para seguir Jesus? Como você acolhe a atitude dos primeiros discípulos que prontamente seguiram o Senhor quando foram chamados? Hoje o convite é para deixar casa, familiares, bens por causa dele e do Evangelho. Como você entende esse “deixar tudo por causa do Senhor”? Isso ainda é possível nos dias de hoje? Encontramos pessoas dispostas a seguir o Senhor com tal disponibilidade? Que sentimentos a Palavra despertou em você?
“O que se ganha quando se pratica o seguimento de Jesus? Luxos, mansões, carrões, riquezas? Hoje, com a mercantilização da fé, oferece-se de tudo para converter pessoas ao Evangelho. No entanto, o Senhor deixa claro que sua promessa é nos dar a vida eterna. Que nenhum outro interesse seja colocado na boca dos pregadores! Não temos o direito de enganar ninguém com promessas materiais. O Evangelho nos pede renúncia de si mesmo e dos bens, como requisitos para fazer o seguimento sincero de Jesus. Sem falar nas perseguições por causa do nome de Jesus. Quem deixa tudo não perde nada. Porém, não se iluda com uma vida de mordomias, porque nem ele teve onde reclinar a cabeça. Seguir Jesus sem ambições!” (Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).

Oração (Vida)
Oração pelas Vocações
“Jesus, Bom Pastor, suscita em todas as comunidades cristãs sacerdotes e diáconos, religiosos e religiosas, leigos comprometidos e missionários, segundo as necessidades do mundo inteiro, ao que Tu amas e queres salvar. Te confiamos em particular nossa comunidade: cria em nós o clima espiritual que havia entre os primeiros cristãos, para que possamos ser um cenáculo de oração em amorosa acolhida do Espírito Santo e de seus dons. Assiste todas as pessoas consagradas. Guia os passos do que acolheram generosamente teu chamado e se preparam às ordens sagradas ou à profissão dos conselhos evangélicos. Volta teu olhar de amor para tantos jovens bem-dispostos e chama-os ao teu seguimento. Ajuda-os a compreender que só em ti podem realizar-se plenamente. Confiando estes grandes interesses de teu coração à poderosa intercessão de Maria, Mãe e modelo de todas as vocações, te suplicamos que sustenhas nossa fé com a certeza de que o Pai concederá o que Tu mesmo mandou que peçamos” (Disponível em: http://www.pom.org.br).

Contemplação (Vida e Missão)
Sintetize em poucas palavras o apelo que você sentiu em seu coração, para colocá-lo em prática durante o dia. O que você se propõe a viver?

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas