Oração diária, São Matias, Apóstolo - Jo 15,9-17

São Matias, Apóstolo – Ano Litúrgico B

14 de maio de 2018

ORAÇÃO DO DIA

Senhor Jesus, agradecido(a) por ter sido escolhido(a) e enviado(a) por ti, prometo entregar-me totalmente à missão que me confiaste.

PRIMEIRA LEITURA: At 1,15-17.20-26

Leitura dos Atos dos Apóstolos –

15Naqueles dias, Pedro levantou-se no meio dos irmãos e disse: 16“Irmãos, era preciso que se cumprisse o que o Espírito Santo, por meio de Davi, anunciou na Escritura sobre Judas, que se tornou o guia daqueles que prenderam Jesus. 17Judas era um dos nossos e participava do mesmo ministério. 20De fato, no livro dos Salmos está escrito: ‘Fique deserta a sua morada, nem haja quem nela habite!’ E ainda: ‘Que outro ocupe o seu lugar!’
21Há homens que nos acompanharam durante todo o tempo em que o Senhor Jesus vivia no meio de nós, 22a começar pelo batismo de João até o dia em que foi elevado ao céu. Agora, é preciso que um deles se junte a nós para ser testemunha da sua ressurreição.” 23Então eles apresentaram dois homens: José, chamado Barsabás, que tinha o apelido de Justo, e Matias. 24Em seguida, fizeram esta oração: “Senhor, tu conheces os corações de todos. Mostra-nos qual destes dois escolheste 25para ocupar, neste ministério e apostolado, o lugar que Judas abandonou para seguir o seu destino!”. 26Então tiraram a sorte entre os dois. A sorte caiu em Matias, o qual foi juntado ao número dos onze apóstolos

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 113(112)

           O Senhor fez o indigente assentar-se com os nobres.
— O Senhor fez o indigente assentar-se com os nobres.

— Louvai, louvai, ó servos do Senhor, louvai, louvai o nome do Senhor! Bendito seja o nome do Senhor, agora e por toda a eternidade!

— Do nascer do sol até o seu ocaso, louvado seja o nome do Senhor! O Senhor está acima das nações, sua glória vai além dos altos céus.

— Quem pode comparar-se ao nosso Deus, ao Senhor, que no alto céu tem o seu trono e se inclina para olhar o céu e a terra?

— Levanta da poeira o indigente e do lixo ele retira o pobrezinho, para fazê-lo assentar-se com os nobres, assentar-se com os nobres do seu povo.

EVANGELHO: Jo 15,9-17

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São João.
          – Glória a vós, Senhor.

         Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 9Como meu Pai me amou, assim também eu vos amei. Permanecei no meu amor. 10Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor, assim como eu guardei os mandamentos do meu Pai e permaneço no seu amor.
11E eu vos disse isto, para que a minha alegria esteja em vós e a vossa alegria seja plena. 12Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros, assim como eu vos amei. 13Ninguém tem amor maior do que aquele que dá sua vida pelos amigos. Vós sois meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando. 15Já não vos chamo servos, pois o servo não sabe o que faz o seu senhor. Eu vos chamo amigos, porque vos dei a conhecer tudo o que ouvi de meu Pai.
16Não fostes vós que me es­colhestes, mas fui eu que vos escolhi e vos designei para irdes e para que produzais fruto e o vosso fruto permaneça. O que então pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo concederá. 17Isto é o que vos ordeno: amai-vos uns aos outros.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Hoje celebramos o apóstolo São Matias. Não pertencia ao grupo dos apóstolos. Foi eleito depois da Ascensão de Jesus para ocupar o lugar de Judas Iscariotes. Os Atos dos Apóstolos nos contam como ele foi escolhido. Pedro falou a um grupo numeroso de irmãos e irmãs, lembrando que era preciso que se cumprisse a Escritura a respeito de Judas, que participou do ministério dos apóstolos, mas morreu de forma trágica no Campo do Sangue. Agora era necessário realizar o que está escrito no Salmo: “Um outro receba o seu encargo”. Procuraram, então, um homem que tivesse acompanhado Jesus o tempo todo, para ser, com os apóstolos, testemunha da ressurreição do Senhor. Apresentaram-se dois, José e Matias. Rezaram e a sorte caiu sobre Matias, que se tornou apóstolo com os outros Onze. Como não temos documentos sobre a atividade dos apóstolos, e os Atos falam especificamente de Pedro e Paulo, tradição e lendas se misturam para compor a história dos primeiros seguidores de Jesus. De Matias se diz que ele evangelizou a Judeia, a Capadócia e a Etiópia, e morreu martirizado em Jerusalém.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2018’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Celebramos hoje a memória litúrgica de São Matias, o apóstolo que integrou o grupo dos Doze no lugar de Judas Iscariotes. Estamos também na Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos. Este ano, o tema é inspirado no livro do Êxodo: “A mão de Deus nos une e nos liberta”. A Palavra de Deus que vamos meditar nos convida a permanecer no amor de Jesus, para que Nele produzamos frutos e vivamos a alegria verdadeira.
Rezemos: “Vem, Espírito Santo! Faze-nos amar as Escrituras, para reconhecermos a voz viva de Jesus. Torna-nos humildes e simples, a fim de compreendermos os mistérios do Reino de Deus. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o Evangelho de hoje? Faça uma leitura atenta, observando os verbos presentes na narrativa e as palavras que mais se repetem. Por que Jesus insiste para que permaneçamos no seu amor? Quando Jesus nos considera seus amigos? Qual fruto o Senhor espera de nós?
“O amor que Jesus tem por nós é um amor capaz de ir ‘até o fim’ (cf. Jo 13,1); é com esse imenso amor que o Pai ama o Filho. O convite feito aos discípulos é de permanecerem no amor de Jesus, isto é, de experimentarem e viverem o amor com o qual eles são amados por Jesus. O amor com o qual Jesus ama os discípulos deve ser a medida do amor fraterno. Nem mais nem menos! O amor é a força da vida, um dinamismo de entrega sem reservas ou condições; é um extasis, saída do eu fechado em si para o dom aos outros. O amor é uma verdadeira Páscoa. É esse amor que está na origem da escolha dos discípulos por Jesus. É esse mesmo amor que deve ser vivido e testemunhado na comunidade cristã. Os discípulos escolhidos por Jesus não têm qualquer mérito na sua vocação, pois foi o Senhor quem tomou a iniciativa de encontrá-los onde eles estavam. O fruto que se espera de quem é chamado é o amor fraterno. A realização do mandato do amor é a condição de uma vida cristã autêntica. Lembremo-nos de que o amor é a expressão máxima da vida cristã (cf. 1Cor 13)” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você hoje? Como você vive o convite de Jesus: “Permanecei no meu amor”? Quando a sua vida se torna doação e manifestação de amor para com as pessoas? O amor de Jesus é o modelo para o seu amor pelo próximo? Em sua vida, o amor fraterno torna-se sinal do seu seguimento a Jesus?

Oração (Vida)
Apresente o desejo que brotou em seu coração e peça a graça de vivê-lo durante o dia. Faça sua prece de agradecimento ou pedido e conclua sua oração rezando pela unidade dos cristãos: “Deus eterno, não pertences a nenhuma cultura ou terra, mas és o Senhor de todos. Tu nos chamas a acolher o estrangeiro em nosso meio. Ajuda-nos por teu Espírito a viver como irmãos e irmãs, acolhendo todos em teu nome e vivendo na justiça do teu Reino. Assim oramos em nome de Jesus. Amém” (Roteiro para a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos. Fonte: vatican.va)

Contemplação (Vida e Missão)
Com a Palavra de Deus na mente e no coração, qual atitude você se propõe a viver hoje?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas