Oração diária, Solenidade da Epifania do Senhor - Mt 2,1-12

Epifânia do Senhor – Ano Litúrgico B

07 de janeiro de 2018

ORAÇÃO DO DIA

Pai, com discernimento e humildade, os magos deixaram-se guiar até Jesus. Concede-me as mesmas virtudes, para que eu siga o caminho que me leva a teu Filho.

PRIMEIRA LEITURA: Is 60,1-6

Leitura do livro do Profeta Isaías

1Levanta-te, acende as luzes, Jerusalém, porque chegou a tua luz, apareceu sobre ti a glória do Senhor.
2Eis que está a terra envolvida em trevas, e nuvens escuras cobrem os povos; mas sobre ti apareceu o Senhor, e sua glória já se manifesta sobre ti. 3Os povos caminham à tua luz e os reis ao clarão de tua aurora.
4Levanta os olhos ao redor e vê: todos se reuniram e vieram a ti; teus filhos vêm chegando de longe com tuas filhas, carregadas nos braços. 5Ao vê-los, ficarás radiante, com o coração vibrando e batendo forte, pois com eles virão as riquezas de além-mar e mostrarão o poderio de suas nações; 6será uma inundação de camelos e dromedários de Madiã e Efa a te cobrir; virão todos os de Sabá, trazendo ouro e incenso e proclamando a glória do Senhor.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 72

          — As nações de toda a terra hão de adorar-vos, ó Senhor!
— As nações de toda a terra hão de adorar-vos, ó Senhor!

— Dai ao Rei vossos poderes, Senhor Deus,/ vossa justiça ao descendente da realeza!/ Com justiça ele governe o vosso povo,/ com eqüidade ele julgue os vossos pobres.

— Nos seus dias a justiça florirá/ e grande paz, até que a lua perca o brilho!/ De mar a mar estenderá o seu domínio,/ e desde o rio até os confins de toda a terra!

— Os reis de Társis e das ilhas hão de vir/ e oferecer-lhe seus presentes e seus dons;/ e também os reis de Seba e de Sabá/ hão de trazer-lhe oferendas e tributos./ Os reis de toda a terra hão de adorá-lo,/ e todas as nações hão de servi-lo.

— Libertará o indigente que suplica,/ e o pobre ao qual ninguém quer ajudar./ Terá pena do indigente e do infeliz,/ e a vida dos humildes salvará.

SEGUNDALEITURA: Ef 3,2-3a.5-6

Leitura da Carta de São Paulo aos Efésios

Irmãos: 2Se ao menos soubésseis da graça que Deus me concedeu para realizar o seu plano a vosso respeito, 3ae como, por revelação, tive conhecimento do mistério.
5Este mistério Deus não o fez conhecer aos homens das gerações passadas, mas acaba de o revelar agora, pelo Espírito, aos seus santos apóstolos e profetas: 6os pagãos são admitidos à mesma herança, são membros do mesmo corpo, são associados à mesma promessa em Jesus Cristo, por meio do Evangelho.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

EVANGELHO: Mt 2,1-12

– O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

1Tendo nascido Jesus na cidade de Belém, na Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que alguns magos do Oriente chegaram a Jerusalém, 2perguntando: “Onde está o rei dos judeus, que acaba de nascer? Nós vimos a sua estrela no Oriente e viemos adorá-lo”.
3Ao saber disso, o rei Herodes ficou perturbado, assim como toda a cidade de Jerusalém.
4Reunindo todos os sumos sacerdotes e os mestres da Lei, perguntava-lhes onde o Messias deveria nascer.
5Eles responderam: “Em Belém, na Judéia, pois assim foi escrito pelo profeta:
6E tu, Belém, terra de Judá, de modo algum és a menor entre as principais cidades de Judá, porque de ti sairá um chefe que vai ser o pastor de Israel, o meu povo”.
7Então Herodes chamou em segredo os magos e procurou saber deles cuidadosamente quando a estrela tinha aparecido.
8Depois os enviou a Belém, dizendo: “Ide e procurai obter informações exatas sobre o menino. E, quando o encontrardes, avisai-me, para que também eu vá adorá-lo”.
9Depois que ouviram o rei, eles partiram. E a estrela, que tinham visto no Oriente, ia adiante deles, até parar sobre o lugar onde estava o menino.
10Ao verem de novo a estrela, os magos sentiram uma alegria muito grande.
11Quando entraram na casa, viram o menino com Maria, sua mãe. Ajoelharam-se diante dele, e o adoraram. Depois abriram seus cofres e lhe ofereceram presentes: ouro, incenso e mirra.
12Avisados em sonho para não voltarem a Herodes, retornaram para a sua terra, seguindo outro caminho

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Epifania significa manifestação. Hoje o Senhor se manifesta a todos os povos. O Evangelho de São Mateus conta que, depois do nascimento de Jesus, chegaram a Jerusalém alguns sábios que vinham do Oriente. São chamados de magos não porque faziam mágicas ou feitiçarias, mas porque estudavam os astros. Eram sábios astrólogos. Conheciam também as profecias de Balaão, um profeta pagão que viu uma estrela sair de Jacó, isto é, do meio do povo de Deus. Os sábios viram essa estrela e a seguiram até chegarem a Jerusalém e encontrarem Herodes no seu palácio. O rei e os seus amigos ficaram muito perturbados quando viram esses outros reis que vinham do Oriente e procuravam o rei dos judeus que acabara de nascer. Chegaram por fim a Belém, onde encontraram o Menino, com Maria sua mãe. Adoraram-no, ofereceram-lhe presentes e voltaram para sua terra sem procurar de novo o rei Herodes. Somente Mateus conta a história dos Reis Magos, e nós os celebramos nesta festa da Epifania, venerando-os como Santos Reis.
Eles não eram judeus. Vinham de outros povos a procura do rei dos judeus. Esse “rei dos judeus” é o Menino Jesus que acabava de nascer. De fato, o povo esperava a vinda do Messias Salvador, mas ainda não sabia que era esse Menino. Os anjos tinham anunciado aos pastores o seu nascimento e eles foram visitá-lo, mas, agora, por que esses reis? Porque o Menino nasceu para todos os povos. Como uma flor, ele brota da raiz judaica de Jessé, mas desponta por cima do universo para ser visto por todas as nações. Quem quiser encontrá-lo, pode! É só seguir a estrela. A estrela pode ser alguém, essa gente boa com quem cruzamos no dia a dia e nos abre caminhos. Descubra primeiro a estrela, depois siga-a e ela mostrará onde está o Menino. Está disponível para todos, como uma criança encantadora que não assusta ninguém. E está com Maria, sua mãe. Maria é a mãe de Jesus. O menino só se encontra com ela. Se alguém deixar Maria de lado, não vai encontrar o verdadeiro Jesus. Os presentes, ouro, incenso e mirra, são ofertados ao rei que é Deus e homem.
O Messias de Israel é salvador de todos os povos. Todos os povos são chamados a ser filhos de Abraão e a participar da herança de Israel. Basta crer no recém nascido de Belém e aceitá-lo. Dizem os Evangelhos que Jesus ensinava, e estes sábios parece que estudavam. Estudar, refletir, buscar conhecimentos faz parte do nosso louvor a Deus, que nos fez seres racionais. Os reis seguiram aquela estrela porque sabiam do que se tratava. Não seguiram qualquer estrela nem voltaram a Herodes. Guiados por Deus, sabiam por onde andar.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2018’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Solenidade da Epifania do Senhor. A Epifania, manifestação do Senhor Jesus, é a festa da Luz. Jesus é a Luz que atrai e ilumina toda a humanidade.
Oremos: “Divino Espírito Santo, amor eterno do Pai e do Filho, guia meus passos ao encontro de Jesus, Luz que ilumina todos os povos. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto? Quais personagens aparecem na narrativa? Qual atitude têm diante do nascimento de Jesus?
O Evangelho nos mostra que Jesus nasceu em Belém. Ele é o enviado de Deus, aquele que vem para oferecer a toda a humanidade a salvação de Deus. Os magos do Oriente representam toda a humanidade. Estão atentos aos sinais da vinda do Messias. Procuram por Jesus, o encontram e reconhecem nele a salvação. Numa atitude de adoração, ajoelham-se diante dele. Sentem alegria pela estrela que brilha no céu e os guia. Por outro lado, os moradores de Jerusalém o rejeitam e ficam perturbados.

Meditação (Caminho)
O que diz o texto a você hoje? Você está atento(a) aos sinais de Deus e é capaz de reconhecê-los, à luz de sua Palavra? Qual é a sua atitude diante do Salvador? Você se deixa guiar pela luz de Deus? Os magos e Herodes procuravam Jesus. Porém, os magos queriam adorá-lo, e Herodes tinha outras intenções. Qual é a sua intenção ao procurar Jesus?

Oração (Vida)
Reze o Salmo 72(71), expressando confiança e pedindo ao Senhor que a sua luz ilumine todos os povos que necessitam de paz e de justiça.
“Os reis de toda a terra hão de adorar-vos, ó Senhor! Dai ao Rei vossos poderes, Senhor Deus, vossa justiça ao descendente da realeza. Com justiça, ele governe o vosso povo, com equidade, ele julgue os vossos pobres. Há de livrá-los da violência e opressão, pois vale muito o sangue deles a seus olhos. Hão de rezar também por ele sem cessar, bendizê-lo e honrá-lo a cada dia. Seja bendito o seu nome para sempre! E que dure como o sol sua memória. Todos os povos serão nele abençoados, todas as gentes cantarão o seu louvor!”

Contemplação (Vida e Missão)
Permita que a Palavra ressoe mais uma vez em seu coração e contemple a Luz que o(a) guia. O que esta Palavra o(a) convida a viver? Qual gesto concreto você pretende adotar neste dia?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Leitura orante: Equipe de Redação Paulinas Internet.