Liturgia diária, A vida não consiste em abundância de bens - Lc 12,13-21

29ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

23 de outubro de 2017

ORAÇÃO DO DIA

Pai, preserva-me do apego exagerado às riquezas, as quais me tornam insensível às necessidades do meu próximo. Que eu descubra na partilha um caminho de salvação.

PRIMEIRA LEITURA:  Rm 4,20-25

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos

Irmãos, 20diante da promessa divina, Abraão não duvidou por falta de fé, mas revigorou-se na fé e deu glória a Deus, 21convencido de que Deus tem poder para cumprir o que prometeu.
22Esta sua atitude de fé lhe foi creditada como justiça. 23Afirmando que a fé lhe foi creditada como justiça, a Escritura visa não só à pessoa de Abraão, mas também a nós, pois a fé será creditada também a nós que cremos naquele que ressuscitou dos mortos Jesus, nosso Senhor. 25Ele, Jesus, foi entregue por causa de nossos pecados e foi ressuscitado para nossa justificação.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO Lc 1,69-75

          — Bendito seja o Senhor Deus de Israel, porque a seu povo visitou e libertou.
— Bendito seja o Senhor Deus de Israel, porque a seu povo visitou e libertou.

— Fez surgir um poderoso Salvador na casa de Davi, seu servidor, como falara pela boca de seus santos, os profetas desde os tempos mais antigos.

— Para salvar-nos do poder dos inimigos e da mão de todos quantos nos odeiam. Assim mostrou misericórdia a nossos pais, recordando a sua santa Aliança.

— E o juramento a Abraão, o nosso pai, de conceder-nos que, libertos do inimigo, a ele nós sirvamos sem temor em santidade e em justiça diante dele, enquanto perdurarem nossos dias

EVANGELHO: Lc 12,13-21

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 13alguém, do meio da multidão, disse a Jesus: “Mestre, dize ao meu irmão que reparta a herança comigo”.
14Jesus respondeu: “Homem, quem me encarregou de julgar ou de dividir vossos bens?” 15E disse-lhes: “Atenção! Tomai cuidado contra todo tipo de ganância, porque, mesmo que alguém tenha muitas coisas, a vida de um homem não consiste na abundância de bens”.
16E contou-lhes uma parábola: “A terra de um homem rico deu uma grande colheita. 17Ele pensava consigo mesmo: ‘Que vou fazer? Não tenho onde guardar minha colheita’. 18Então resolveu: ‘Já sei o que vou fazer! Vou derrubar meus celeiros e construir maiores; neles vou guardar todo o meu trigo, junto com os meus bens. 19Então poderei dizer a mim mesmo: Meu caro, tu tens uma boa reserva para muitos anos. Descansa, come, bebe, aproveita!’ 20Mas Deus lhe disse: ‘Louco! Ainda nesta noite, pedirão de volta a tua vida. E para quem ficará o que tu acumulaste?’ 21Assim acontece com quem ajunta tesouros para si mesmo, mas não é rico diante de Deus”.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Sempre subindo para Jerusalém, e ainda na segunda etapa da viagem, Jesus vai se encontrando com pessoas de todos os tipos, que gostam dele, que o atacam e criticam, que precisam dele para alguma cura ou para resolver alguma questão. Encontrou um dia dois irmãos em litígio por causa de herança. Nada de extraordinário, mas Jesus não queria julgar esse tipo de questão. Procurou, porém, ensinar a todos algo válido para todos os tempos a partir da questão da herança. Não sejam gananciosos, dirá ele. Querem tudo, querem tudo, e depois ficam sem nada. Seguram tudo o tempo todo e depois tudo lhes cai das mãos. Ajuntam tesouros, mas são pobres diante de Deus. Nada de ganâncias, pois ajuntar tesouros só aumentam as preocupações. Ser livre e rico para Deus, pois a vida é mais do que os bens que se possui.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Iniciemos a nossa oração em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! “Vinde, Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai, Senhor, o vosso Espírito, e tudo será criado, e renovareis a face da terra. Oremos: Senhor, nosso Deus, que pela luz do Espírito Santo instruístes o coração dos vossos fiéis, fazei-nos dóceis ao mesmo Espírito, para apreciarmos o que é justo e nos alegrarmos sempre com a sua presença. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto bíblico? Leia o Evangelho indicado para o dia de hoje, destacando os verbos e os personagens que surgem na narrativa. O texto mostra Jesus subindo para Jerusalém e fazendo um alerta à multidão. O que Ele diz às pessoas? O que está acontecendo no texto? Qual é a mensagem central da narrativa?

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você hoje? Neste momento, você é convidado(a) a escutar o que Deus lhe diz por meio da Palavra. Qual caminho o Senhor lhe indica? Leia o Evangelho novamente e faça a sua meditação, procurando ouvir a voz do Senhor, que fala com você.

Oração (Vida)
O que o texto o(a) leva a dizer a Deus? Este é o momento de sua oração, por isso, aproxime-se do Senhor sem medo e apresente-lhe suas intenções e necessidades. Se possível, procure um lugar silencioso e converse com Deus, Pai de Misericórdia, que nos acolhe com amor infinito.

Contemplação (Vida e Missão)
Qual novo olhar nasceu em você, a partir da Palavra?

Bênção
– Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
– Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.