Liturgia diária - Teu filho vive! - Jo 4,43-54

4ª Semana da Quaresma – Ano Litúrgico A

23 de março de 2020

Deseja ler a liturgia diária do dia 23 de março Clique aqui

ORAÇÃO DO DIA

Espírito de fé, concede-me a confiança necessária que me permita ser atendido por Jesus, quando a ele eu suplicar.

PRIMEIRA LEITURA: Is 65,17-21

Leitura do Livro do Profeta Isaías – Assim fala o Senhor: 17Eis que eu criarei novos céus e nova terra, coisas passadas serão esquecidas, não voltarão mais à memória. 18Ao contrário, haverá alegria e exultação sem fim em razão das coisas que eu vou criar; farei de Jerusalém a cidade da exultação e um povo cheio de alegria.
19Eu também exulto com Jerusalém e alegro-me com o meu povo; ali nunca mais se ouvirá a voz do pranto e o grito de dor. 20Ali não haverá crianças condenadas a poucos dias de vida nem anciãos que não completem seus dias. Será considerado jovem quem morrer aos cem anos; e quem não alcançar cem anos, passará por maldito. 21Construirão casas para nelas morar, plantarão vinhas para comer seus frutos

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 29

          — Eu vos exalto, ó Senhor, pois me livrastes!
— Eu vos exalto, ó Senhor, pois me livrastes!

— Eu vos exalto, ó Senhor, pois me livrastes, e não deixastes rir de mim meus inimigos! Vós tirastes minha alma dos abismos e me salvastes, quando estava já morrendo!

— Cantai salmos ao Senhor, povo fiel, dai-lhe graças e invocai seu santo nome! Pois sua ira dura apenas um momento, mas sua bondade permanece a vida inteira; se à tarde vem o pranto visitar-nos, de manhã vem saudar-nos a alegria.

— Escutai-me, Senhor Deus, tende piedade! Sede, Senhor, o meu abrigo protetor! Transformastes o meu pranto em uma festa, Senhor meu Deus, eternamente hei de louvar-vos!

EVANGELHO: Jo 4,43-54

          – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São João.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 43Jesus partiu da Samaria para a Galileia. 44O próprio Jesus tinha declarado, que um profeta não é honrado na sua própria terra. 45Quando então chegou à Galileia, os galileus receberam-no bem, porque tinham visto tudo o que Jesus havia feito em Jerusalém, durante a festa. Pois também eles tinham ido à festa. 46Assim, Jesus voltou para Caná da Galileia, onde havia transformado água em vinho.
Havia em Cafarnaum um fun­cionário do rei que tinha um filho doente. 47Ouviu dizer que Jesus tinha vindo da Judeia para a Galileia. Ele saiu ao seu encontro e pediu-lhe que fosse a Ca­farnaum curar seu filho, que estava morrendo. 48Jesus disse-lhe: “Se não virdes sinais e prodígios, não acreditais”. 49O funcionário do rei disse: “Senhor, desce, antes que meu filho morra!” 50Jesus lhe disse: “Podes ir, teu filho está vivo”. O homem acreditou na palavra de Jesus e foi embora.
51Enquanto descia para Ca­farnaum, seus empregados foram ao seu encontro, dizendo que o seu filho estava vivo. 52O funcionário perguntou a que horas o menino tinha melhorado. Eles responderam: “A febre desapareceu, ontem, pela uma da tarde”. 53O pai verificou que tinha sido exatamente na mesma hora em que Jesus lhe havia dito: “Teu filho está vivo”. Então, ele abraçou a fé, juntamente com toda a sua família. 54Esse foi o segundo sinal de Jesus. Realizou-o quando voltou da Judeia para a Galileia. 

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Os sinais de Jesus no Evangelho de São João mostram onde Jesus quer que seus discípulos estejam. Devem estar onde Jesus está, agora e no futuro. Outro dia estava numa festa de casamento em Caná da Galileia. Hoje está de novo em Caná junto de um pai angustiado com a saúde de seu filho. Ontem celebraram o amor que gera vida. Hoje celebram o amor que vence a morte. São estas as celebrações do discípulo de Jesus.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2020’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Os Evangelhos nos mostram vários relatos de curas realisadas por Jesus: a cura da sogra de Pedro, o filho da viúva de Naim, leprosos, cegos, aleijados, possessos… Jesus é a fonte da vida. O evangelista João nos apresenta hoje a cura do filho de um funcionário do rei, que passou a crer em Jesus juntamente com toda sua família.
Rezo: Senhor Jesus, médico divino, tu dás a vida e a vida em plenitude àqueles que te buscam. Por isso, hoje, Senhor, de um modo especial, quero pedir a cura de todo tipo de doença. Aumenta a minha fé no infinito Amor que tens por nós. Aumenta minha fé que às vezes se encontra tão enfraquecida. Eu creio e abro meu ser para que tua Palavra opere em mim a transforma necessária. Agradeço humildemente por toda obra que estás realizando em meu coração e em meu corpo, neste momento. Amém, Assim Seja!

Leitura (Verdade)
Qual a atitude do pai que implora por seu filho? Quais são as palavras e gestos de Jesus?
“Jesus veio, como enviado do Pai, para trazer a salvação a todos. Ninguém é excluído da Boa-Nova. Nem os estrangeiros, nem os cobradores de impostos, nem as prostitutas. Curiosamente, a maior resistência parte dos herdeiros da promessa. Nosso Deus é o Deus da vida e enviou seu Filho Jesus para trazer vida, e vida em plenitude. As curas de Jesus não se destinavam a revelar seu poder. Ele quer sinalizar que o mal e todas as suas manifestações devem ser expulsos do mundo. A fé – dom de Deus e aceito pelo homem – permite perceber as manifestações divinas. Na linguagem comum se diz: ver para crer; podemos inverter a ordem dos fatores: crer para ver. Porque somos pobres, podemos pedir, mas não devemos esquecer de agradecer.” (Viver a Palavra – 2020. Frei Aldo Colombo – Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você hoje? Qual palavra do evangelho encontrou sintonia com sua vida, suas expectativas? Jesus o (a) surpreende? Você precisa de sinais para crer em Jesus? Como você acolhe as dificuldades e as doenças em sua vida? O que as curas de Jesus dizem para sua fé?

Oração (Vida)
Na oração de hoje apresente a Jesus as pessoas doentes, as que não creem, de sua família ou próximas de você.
“Senhor, nosso Deus, que nos concedeis muito mais do que ousamos pedir e esperar, dai-nos um coração confiante e atento às surpresas do vosso amor. Por Cristo Senhor nosso.

Contemplação (Vida e Missão)
Contemplando a fé deste pai que suplica por seu filho e o poder e compaixão de Jesus faça seu propósito. O funcionário levou toda sua família a crer em Jesus Salvador, o testemunho familiar é alicerce para toda a vida.

Bênção
Benção especial da Quaresma

  • Deus Pai de misericórdia, conceda a todos, como concedeu ao filho pródigo, a alegria do retorno a casa. Amém.
  • O Senhor Jesus Cristo, modelo de oração e de vida, nos guie nesta jornada quaresmal a uma verdadeira conversão. Amém.
  • O Espírito de sabedoria e fortaleza nos sustente na luta contra o mal, para podermos com Cristo celebrar a vitória da Páscoa. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.
    Ir. Carmen Maria Pulga