Liturgia diaria 16 de janeiro de 2016

1ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico A

18 de janeiro de 2020

ORAÇÃO DO DIA

Divino Espírito Santo, amor eterno do Pai e do Filho, torna-me decidido para seguir os passos de Jesus.

PRIMEIRA LEITURA: 1Sm 9,1-4.17-19, 10,1a

Leitura do Primeiro Livro de Samuel – 9,1Havia um homem de Benjamin, chamado Cis, filho de Abiel, filho de Seror, filho de Becorat, filho de Afia, um benjaminita, homem forte e valente. 2Ele tinha um filho chamado Saul, de boa apresentação. Entre os filhos de Israel não havia outro melhor do que ele: dos ombros para cima sobressaía a todo o povo.
3Ora, aconteceu que se perderam umas jumentas de Cis, pai de Saul. E Cis disse a seu filho Saul: “Toma contigo um dos criados, põe-te a caminho e vai procurar as jumentas”. Eles atravessaram a montanha de Efraim 4e a região de Salisa, mas não as encontraram. Passaram também pela região de Salim, sem encontrar nada; e, ainda pela terra de Benjamin, sem resultado algum.
17Quando Samuel avistou Saul, o Senhor lhe disse: “Este é o homem de quem te falei. Ele reinará sobre o meu povo”. 18Saul aproximou-se de Samuel, na soleira da porta, e disse-lhe: “Peço-te que me informes onde é a casa do vidente”. 19Samuel respondeu a Saul: “Sou eu mesmo o vidente. Sobe na minha frente ao santuário da colina. Hoje comereis comigo, e amanhã de manhã te deixarei partir, depois de ter revelado tudo o que tens no coração”.
10,1aNa manhã seguinte, Samuel tomou um pequeno frasco de azeite, derramou-o sobre a cabeça de Saul e beijou-o dizendo: “Com isto o Senhor te ungiu como chefe do seu povo, Israel. Tu governarás o povo do Senhor e o livrará das mãos de seus inimigos, que estão ao seu redor”. 

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 21(20)

         — Ó Senhor, em vossa força o rei se alegra!
— Ó Senhor, em vossa força o rei se alegra!

— Senhor, em vossa força o rei se alegra; quanto exulta de alegria em vosso auxílio! O que sonhou seu coração, lhe concedestes; não recusastes os pedidos de seus lábios.

— Com bênção generosa o preparastes; de ouro puro coroastes sua fronte. A vida ele pediu e vós lhe destes, longos dias, vida longa pelos séculos.

— É grande a sua glória em vosso auxílio; de esplendor e majestade o revestistes. Transformastes o seu nome numa bênção, e o cobristes de alegria em vossa face.

EVANGELHO:Mc 2,13-17 

       – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Marcos.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 13Jesus saiu de novo para a beira mar. Toda a multidão ia a seu encontro, e Jesus os ensinava. 14Enquanto passava, Jesus viu Levi, o filho de Alfeu, sentado na coletoria de impostos, e disse-lhe: “Segue-me!” Levi se levantou e o seguiu.
15E aconteceu que, estando à mesa na casa de Levi, muitos cobradores de impostos e pecadores também estavam à mesa com Jesus e seus discípulos. Com efeito, eram muitos os que o seguiam.
16Alguns doutores da Lei, que eram fariseus, viram que Jesus estava comendo com pecadores e cobradores de impostos. Então eles perguntaram aos discípulos: “Por que ele come com cobradores de impostos e pecadores?”
17Tendo ouvido, Jesus respondeu-lhes: “Não são as pessoas sadias que precisam de médico, mas as doentes. Eu não vim para chamar justos, mas sim pecadores”.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Jesus passa, chama, alguns respondem, outros não. Ilumine o seu dia com a palavra de Jesus e abra bem os ouvidos para ouvi-la e dar-lhe resposta. Jesus fala no íntimo do seu coração, fala nas Escrituras, fala na celebração dos sacramentos, fala nos acontecimentos da vida, fala por aquela pessoa que se dirige a você. Jesus viu Levi, filho de Alfeu, e o chamou. Segundo a tradição, Levi e Mateus são a mesma pessoa. Era cobrador de impostos. Os chefes religiosos consideravam os cobradores de impostos pecadores públicos. Jesus chama um deles para ser apóstolo, come com eles, se faz presente no meio de quem dele precisa. O doente precisa do médico. O pecador precisa da misericórdia. Jesus não veio chamar os justos, e sim os pecadores, mas não é por isso que vamos pecar, para sermos chamados. Somos todos pecadores, inclusive os justos. O justo que Jesus critica é aquele que, sendo pecador, se considera superior aos outros e sem pecado. Reconhecemos com humildade a nossa miséria para que ela possa se encontrar com a misericórdia.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2020’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Segue-me. Este é o convite que Jesus nos faz hoje, neste relato de Marcos. O seguimento é uma atitude concreta de toda a pessoa que escuta a Palavra de Deus. Não há distinção de pessoas no seguimento de Jesus. O Evangelho é o mesmo para todo o cristão, independente de sua escolha vocacional, profissional ou qualquer outra.
Oremos: Divino Espírito Santo, amor eterno do Pai e do Filho, torna-me decidido(a) a seguir a proposta de Jesus.
Cante ou reze pausadamente quantas vezes desejar: “Jesus Divino Mestre, nascemos do teu amor; no teu amor para o teu amor, queremos servir e te amar”.

Leitura (Verdade)
“A cena se passa em Cafarnaum, que ficava às margens de importante estrada a caminho do mar. A coletoria de impostos recebia taxas dos que saíam e entravam na cidade. Essa cobrança era organizada por Herodes a serviço dos romanos. O cobrador de impostos era considerado um colaborador de Herodes e publicano, pecador público. Levi – conhecido também por Mateus – não hesita. Deixa a banca, as moedas e o lucro e aceita o convite. Mais: convida Jesus para ir a sua casa, gesto de total confiança. E não esquece de convidar, para escândalo dos escribas, os de sua turma. Jesus usa uma imagem irrefutável: a relação doente e médico. E deixa clara sua missão: ele não veio para condenar, mas para salvar.”(Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).
Jesus sai para a beira do lago e mais uma vez a multidão vai ao seu encontro. Ao passar, vê Levi, coletor de impostos. Qual proposta Jesus faz a Levi? Qual a reação de Levi diante da proposta de Jesus? Jesus vai à casa de Levi, e lá, se põe à mesa com os publicanos e pecadores. Como os escribas reagem diante desta atitude de Jesus? Qual a resposta de Jesus diante da reação dos escribas?

Meditação (Caminho)
Qual palavra mais ressoou em seu coração? O convite de Jesus é claro: “segue-me!” E a resposta de Levi é imediata e firme. “Levantou-se e o seguiu”. Procure escutar com atenção o chamado que jesus lhe faz. Como é sua resposta? Os pecadores e excluídos têm um lugar no coração de Jesus. Que lugar tem os excluídos da sociedade de hoje em seu coração? Há lugar para Jesus em sua casa?

Oração (Vida)
” Feliz de ti, que temes o Senhor
e andas nos seus caminhos.
Comerás do trabalho das tuas mãos,
serás feliz e tudo te correrá bem.
Tua esposa será como videira fecunda
no íntimo do teu lar;
teus filhos serão como ramos de oliveira
ao redor da tua mesa.
Assim será abençoado o homem que teme o Senhor.
De Sião te abençoe o Senhor:
vejas a prosperidade de Jerusalém.
(SL 127/128)

Contemplação (Vida e Missão)
Contemplo a beleza de estar na estrada de Jesus e faço meu propósito de aproximar-me sempre mais dele.

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas