Oração diária, Sagrado Coração de Maria

Imaculado Coração de Maria – Ano Litúrgico C

29 de junho de 2019

ORAÇÃO DO DIA

Espírito que orienta nossa vida para Deus, ajuda-me a crescer, cada dia, em sabedoria e graça, buscando, como Jesus, adequar minha vida ao querer do Pai.

PRIMEIRA LEITURA: Is 61,9-11

Leitura do Livro do Profeta Isaías – 9A descendência do meu povo será conhecida entre as nações, e seus filhos se fixarão no meio dos povos; quem os vir há de reconhecê-los como descendentes abençoados por Deus.
10Exulto de alegria no Senhor e minha alma regozija-se em meu Deus; ele me vestiu com as vestes da salvação, envolveu-me com o manto da justiça e adornou-me como um noivo com sua coroa, ou uma noiva com suas joias. 11Assim como a terra faz brotar a planta e o jardim faz germinar a semente, assim o Senhor Deus fará germinar a justiça e a sua glória diante de todas as nações

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 1Sm 2,1

— Meu coração se regozija no Senhor.
— Meu coração se regozija no Senhor.

— Exulta no Senhor meu coração, e se eleva a minha fronte no meu Deus; minha boca desafia os meus rivais porque me alegro com a vossa salvação.

— O arco dos fortes foi dobrado, foi quebrado, mas os fracos se vestiram de vigor. Os saciados se empregaram por um pão, mas os pobres e os famintos se fartaram. Muitas vezes deu à luz a que era estéril, mas a mãe de muitos filhos definhou.

— É o Senhor quem dá a morte e dá a vida, faz descer à sepultura e faz voltar; é o Senhor quem faz o pobre e faz o rico, é o Senhor quem nos humilha e nos exalta.

— O Senhor ergue do pó o homem fraco, do lixo ele retira o indigente, para fazê-los assentar-se com os nobres num lugar de muita honra e distinção.

EVANGELHO: Lc 2,41-51

      – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

41Os pais de Jesus iam todos os anos a Jerusalém, para a festa da Páscoa. 42Quando ele completou doze anos, subiram para a festa, como de costume. 43Passados os dias da Páscoa, começaram a viagem de volta, mas o menino Jesus ficou em Jerusalém, sem que seus pais o notassem.
44Pensando que ele estivesse na caravana, caminharam um dia inteiro. Depois começaram a procurá-lo entre os parentes e conhecidos. 45Não o tendo encontrado, voltaram para Jerusalém à sua procura. 46Três dias depois, o encontraram no Templo. Estava sentado no meio dos mestres, escutando e fazendo perguntas.
47Todos os que ouviam o menino estavam maravilhados com sua inteligência e suas respostas. 48Ao vê-lo, seus pais ficaram muito admirados e sua mãe lhe disse: “Meu filho, por que agiste assim conosco? Olha que teu pai e eu estávamos, angustiados, à tua procura”. 49Jesus respondeu: “Por que me procuráveis? Não sabeis que devo estar na casa de meu Pai?” 50Eles, porém, não compreenderam as palavras que lhes dissera. 51Jesus desceu então com seus pais para Nazaré, e era-lhes obediente. Sua mãe, porém, conservava no coração todas estas coisas.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

[apss_share]

Comentário do Evangelho

Dizemos que o coração é a sede dos sentimentos. Uma pessoa pode ter um bom coração ou um coração de pedra. Coração de pedra indica alguém insensível. Não percebe os outros e, se percebe, não se interessa por eles. Falamos em coração de pedra por causa da dureza da pedra. Identificamos assim as pessoas insensíveis. Falamos também em coração de ouro pelo valor do ouro. Um coração de ouro é um coração de muito valor. A devoção cristã vê Jesus e Maria com o coração exposto. Significa a bondade de Jesus e de Maria. Celebrando hoje o Coração de Maria, estamos celebrando a bondade de Nossa Senhora, toda a sua gentileza e toda a atenção que ela nos dá.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2019’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Na liturgia de hoje celebramos a memória do Imaculado Coração de Maria. Somos convidados a refletir sobre a presença de Maria na vida de Jesus e na nossa vida. Com a mesma disponibilidade de Maria, acolhemos a Palavra de Deus e nos dispomos para que ela se realize em nós.
Rezemos: “Senhor Jesus Cristo, envia sobre nós, como prometeste, teu Espírito Santo. Que Ele nos conceda a vida e nos ensine a plenitude da verdade. Que nele encontremos a salvação, felicidade e plenitude de amor. Amém.”

Leitura (Verdade)
O que diz o texto? Leia-o acolhendo cada palavra em seu coração. Imagine a preocupação de José e Maria quando não encontraram o filho na caravana. O que significa a presença de Jesus no templo entre os mestres? Como você entende a resposta de Jesus: “Por que me procuráveis? Não sabíeis que eu devo estar naquilo que é de meu pai”? De que forma Maria participa da vida de Jesus e de sua missão?
“Esse relato de Jesus encontrado no Templo de Jerusalém aos doze anos é a transição entre os relatos da infância e os da vida pública, a partir do batismo por João Batista. Doze anos é a idade da maturidade religiosa em que o menino judeu assume as obrigações legais, tornando-se ‘filho do preceito’. Todo o relato está centrado nas primeiras palavras de Jesus, no evangelho segundo Lucas. Essas palavras estão voltadas para o futuro, evocam e confirmam a palavra do anjo a Maria, quando do anúncio do nascimento de Jesus: ele ‘será chamado filho de Deus’ (Lc 1,35). Maria e José não compreenderam o significado do que ele lhes dissera. Terão que fazer, como todo discípulo, um longo itinerário de acompanhamento de Jesus, passando pelo drama da paixão e morte, para, à luz da ressurreição do Senhor, poderem compreender que aquele a quem eles haviam dado uma existência histórica era o Filho de Deus. O que é de Deus precisa ser tratado no âmbito do coração, pois ultrapassa o que a razão entregue a si mesma pode alcançar. É no coração que brota o mistério de Deus e sua compreensão” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você hoje? Como você compreende a missão de José e de Maria? De que forma você reconhece a presença de Maria em sua vida?
“Que missão desafiadora tiveram os pais de Jesus! Cuidar do próprio Deus é uma inversão de toda lógica e racionalidade possíveis. É Deus quem cuida do ser humano, e não o contrário. O adolescente Jesus se perde dos pais e fica dialogando no Templo com os entendidos da lei. Os pais se dão conta do sumiço, retornam para Jerusalém e o encontram ensinando. Ora, Maria lhe faz uma queixa e ele começa a delinear sua missão: devo me ocupar das coisas do meu Pai. Com a sabedoria do Espírito, sua mãe silencia e guarda tudo no coração. Mas Jesus permanecia obediente aos pais. São José é o guardião zeloso que cumpriu sua missão de proteger essa família sagrada até a morte. E assim o fez!” (Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).

Oração (Vida)
“Ó Virgem Maria, nós vos veneramos porque vós sois a Mãe de Deus e nossa. Sois Santa e Imaculada, consagrada a Cristo, vosso Filho, e unida ao Espírito Santo. Ó Mãe da Igreja, dai-nos amar a família dos filhos de Deus e dos irmãos de Jesus. Nós vos pedimos por todos os fiéis que participam de nossas paróquias e comunidades e os demais, espalhados pelo mundo inteiro. Pedimo-vos pelos fiéis leigos, para que vivam os sacramentos do Batismo e da Crisma e da Eucaristia pelo testemunho da fé, do amor e da esperança. Pelos fiéis casados, para que expressem pelo sacramento do Matrimônio seu amor conjugal e sejam responsáveis na construção da própria família. Pedimo-vos pelo Papa, para que seja reconhecido e amado como Sucessor de Pedro e Vigário de vosso Filho. Pelos bispos, para que sejam acolhidos e respeitados como Sucessores dos Apóstolos. Pelos sacerdotes, para que vivam como ministros do vosso Filho, Mestre e Sacerdote. Pelos diáconos, para que sejam servidores disponíveis do Povo de Deus. Pedimo-vos pelos religiosos e religiosas, para que expressem sua consagração a Deus no mundo, pela vivência dos conselhos evangélicos e dos diferentes carismas de suas Ordens, Congregações ou Institutos. Ó Maria, abençoai e defendei a Igreja do vosso Filho na variedade de seus dons, serviços e ministérios! Amém” (Trecho do livro “Maria da nossa fé”, da Paulinas Editora).

Contemplação (Vida e Missão)
Qual é a aplicação da Palavra de Deus em sua vida? O que você se propõe a viver? Como pretende atingir esse propósito?

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas

[apss_share]