Liturgia diária O chamado de Levi - Lc 5,27-32

Sábado depois das Cinzas – Ano Litúrgico A

29 de fevereiro de 2020

Deseja ler a liturgia diária do dia 28 de fevereiro Clique aqui

ORAÇÃO DO DIA

Pai, estou certo de que, mesmo sendo pecador, sou amado por ti, e posso contar com a tua solidariedade, que me descortina a misericórdia e a justiça como jeito novo de ser.

PRIMEIRA LEITURA: Is 58,9b-14

Leitura do Livro do Profeta Isaías – Assim fala o Senhor, 9bse destruíres teus instrumentos de opressão, e deixares os hábitos autoritários e a linguagem maldosa; 10se acolheres de coração aberto o indigente e prestares todo socorro ao necessitado, nascerá nas trevas a tua luz e tua vida obscura será como o meio-dia.
11O Senhor te conduzirá sempre e saciará tua sede na aridez da vida, e renovará o vigor do teu corpo; serás como um jardim bem regado, como uma fonte de águas que jamais secarão. 12Teu povo reconstruirá as ruínas antigas; tu levantarás os fundamentos das gerações passadas: serás chamado reconstrutor de ruínas, restaurador de caminhos, nas terras a povoar.
13Se não puseres o pé fora de casa no sábado, nem tratares de negócios em meu dia santo, se considerares o sábado teu dia favorito, o dia glorioso, consagrado ao Senhor, se o honrares, pondo de lado atividades, negócios e conversações, 14então te deleitarás no Senhor; eu te farei transportar sobre as alturas da terra e desfrutar a herança de Jacó, teu pai. Falou a boca do Senhor.

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 86(85)

          — Ensinai-me os vossos caminhos e na vossa verdade andarei.
— Ensinai-me os vossos caminhos e na vossa verdade andarei.

— Inclinai, ó Senhor, vosso ouvido, escutai, pois sou pobre e infeliz! Protegei-me, que sou vosso amigo, e salvai vosso servo, meu Deus, que espera e confia em vós!

— Piedade de mim, ó Senhor, porque clamo por vós todo o dia! Animai e alegrai vosso servo, pois a vós eu elevo a minh’alma.

— Ó Senhor, vós sois bom e clemente, sois o perdão para quem vos invoca. Escutai, ó Senhor, minha prece, o lamento da minha oração!

EVANGELHO: Lc 5,27-32

       – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 27Jesus viu um cobrador de impostos, chamado Levi, sentado na coletoria. Jesus lhe disse: “Segue-me”. 28Levi deixou tudo, levantou-se e o seguiu.
29Depois, Levi preparou em casa um grande banquete para Jesus. Estava aí grande número de cobradores de impostos e outras pessoas sentadas à mesa com eles. 30Os fariseus e seus mestres da Lei murmuravam e diziam aos discípulos de Jesus: “Por que vós comeis e bebeis com os cobradores de impostos e com os pecadores?”
31Jesus respondeu: “Os que são sadios não precisam de médico, mas sim os que estão doentes. 32Eu não vim chamar os justos, mas sim os pecadores para a conversão”.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Nestes dias das Cinzas, São Mateus nos ensinou a praticar os atos quaresmais no segredo de Deus, sem querer que os outros vejam o que estamos fazendo e nos elogiem por isso. Mateus também nos ensinou que o verdadeiro jejum é estar sem Jesus. São Lucas, por sua vez, nos fez ouvir o anúncio da paixão, morte e ressurreição de Jesus, e o convite para segui-lo na renúncia de nós mesmos. Hoje, antes de entrarmos na primeira semana da Quaresma, São Lucas nos põe em companhia de Levi, o cobrador de impostos, pecador público, que Jesus chama para segui-lo. Jesus é tão diferente dos religiosos de seu tempo, e de muitas pessoas religiosas do nosso tempo! Não é difícil ser bom com quem é bom nem andar com quem anda direito. Mais difícil, e mais segundo o coração de Cristo, é estar próximo de quem consideramos pecador. Veja com que rapidez Levi respondeu ao chamado do Senhor e com que alegria organizou uma festa. Jesus o valorizou. Ajudou-o a libertar-se de tudo o que o prendia na coletoria de impostos, ajudou-o a se levantar para que o seguisse. Outros teriam passado adiante sem notar sua presença e sem querê-lo em sua companhia. Era um pecador!

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2020’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
A Quaresma é tempo de abertura ao mistério da dor e da morte, da cruz, do Crucificado, Vencedor da morte. Nele somos conduzidos à graça da vida plena, que é o encontro com Deus e a aceitação de sua vontade salvífica.
Entro em oração e me preparo para acolher a Palavra e assimilar seus ensinamentos.
Divino Espírito Santo, ilumina meu ser para que eu veja a grandeza e a profundidade do viver em Cristo. Que percorrendo o itinerário deste tempo quaresmal, à escuta orante da Palavra de Deus, eu cresça na liberdade e na verdade de filha(o) de Deus.

Leitura (Verdade)
O que diz o texto? Qual era a fama de Levi (Mateus)? Qual o convite de Jesus? O que acontece na religião judaica a partir desta iniciativa do Mestre?
“O coletor de impostos era considerado pela população como alguém desonesto e que abusava de sua autoridade para enriquecer. No mundo religioso era visto como impuro diante da lei, a serviço dos romanos. Chamando Levi, Jesus abriu caminho para que os marginalizados e pecadores se integrem na nova comunidade do Reino de Deus. À semelhança dos outros chamados, Levi abandonou tudo e seguiu Jesus. Mais ainda: o recebeu em sua casa. Isto significa: Jesus entrou na vida dele. Uma de suas primeiras atitudes foi aproximar de Jesus os outros pecadores. Levi é conhecido também como Mateus, o evangelista. Jesus não chama apenas os santos, mas santifica a quem acolhe o seu pedido. Ele é o médico que vai ao encontro dos doentes.” (Viver a Palavra- 2020 – Frei Aldo Colombo- Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que essa iniciativa de Jesus produz em mim? Que sentimentos novos brotam em minha consciência? Sinto-me disposto(a) a seguir esse novo olhar de Jesus a respeito dos que são considerados pecadores?

Oração (Vida)
Oração da Campanha da Fraternidade 2020
Deus, nosso Pai, fonte da vida e princípio do bem viver,
criastes o ser humano e lhe confiastes o mundo
como um jardim a ser cultivado com amor
Dai-nos um coração acolhedor para assumir
a vida como dom e compromisso
Abri nossos olhos para ver
as necessidades dos nossos irmãos e irmãs,
sobretudo dos mais pobres e marginalizados.
. Ensinai-nos a sentir a verdadeira compaixão
expressa no cuidado fraterno,
próprio de quem reconhece no próximo
o rosto do vosso Filho
Inspirai-nos palavras e ações para sermos
construtores de uma nova sociedade,
reconciliada no amor
. Dai-nos a graça de vivermos
em comunidades eclesiais missionárias,
que, compadecidas,
vejam, se aproximem e cuidem
daqueles que sofrem,
a exemplo de Maria, a Senhora da Conceição Aparecida,
e de Santa Dulce dos Pobres, Anjo Bom do Brasil
. Por Jesus, o Filho amado,
no Espírito, Senhor que dá a vida
. Amém! br>

Contemplação (Vida e Missão)
Após essa oração escolha uma dessas invocações para assumir como compromisso de oração para este dia.

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.
    Ir. Carmen Maria Pulga