Liturgia diária 01 de janeiro de 2016

Na liturgia diária fazemos um encontro pessoal com Deus nos colocando a disposição para ouvir seus ensinamentos.

Para bem nos preparar invoquemos a presença do Espírito Santo: 

Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do vosso amor. Enviai o vosso Espírito e tudo será criado e renovareis a face da terra.

Oremos

Deus que instruístes os corações dos vossos fiéis com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas segundo o mesmo Espírito e gozemos sempre da sua consolação. Por Cristo, Senhor nosso. Amém.

ORAÇÃO DO DIA

Divino Espírito Santo, amor eterno do Pai e do Filho, ajuda-me a reconhecer e querer a vontade de Deus assim como Maria.

PRIMEIRA LEITURA: Nm 6,22-27

Leitura do Livro dos Números – 22O Senhor falou a Moisés, dizendo: 23“Fala a Aarão e a seus filhos: Ao abençoar os filhos de Israel, dizei-lhes: 24‘O Senhor te abençoe e te guarde! 25O Senhor faça brilhar sobre ti a sua face, e se compadeça de ti! 26O Senhor volte para ti o seu rosto e te dê a paz!’
27Assim invocarão o meu nome sobre os filhos de Israel, e eu os abençoarei”.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 66

— Que Deus nos dê a sua graça e sua bênção!
— Que Deus nos dê a sua graça e sua bênção!

— Que Deus nos dê a sua graça e sua bênção,/ e sua face resplandeça sobre nós!/ Que na terra se conheça o seu caminho/ e a sua salvação por entre os povos.

— Exulte de alegria a terra inteira,/ pois julgais o universo com justiça;/ os povos governais com retidão,/ e guiais, em toda a terra, as nações.

— Que as nações vos glorifiquem, ó Senhor,/ que todas as nações vos glorifiquem!/ Que o Senhor e nosso Deus nos abençoe,/ e o respeitem os confins de toda a terra!

SEGUNDA LEITURA: Gl 4,4-7

Leitura da Carta de São Paulo apóstolo aos Gálatas – Irmãos: 4Quando se completou o tempo previsto, Deus enviou o seu Filho, nascido de uma mulher, nascido sujeito à Lei, 5a fim de resgatar os que eram sujeitos à Lei e para que todos recebêssemos a filiação adotiva. 6E porque sois filhos, Deus enviou aos nossos corações o Espírito do seu Filho, que clama: Abá — ó Pai!
7Assim, já não és escravo, mas filho; e, se és filho, és também herdeiro: tudo isso por graça de Deus.

– Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

EVANGELHO: Lc 2,16-21

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Lucas.
          – Glória a vós, Senhor.

          Naquele tempo, 16os pastores foram às pressas a Belém e encontraram Maria e José, e o recém-nascido deitado na manjedoura.
17Tendo-o visto, contaram o que lhes fora dito sobre o menino. 18E todos os que ouviram os pastores ficaram maravilhados com aquilo que contavam.
19Quanto a Maria, guardava todos esses fatos e meditava sobre eles em seu coração.
20Os pastores voltaram, glorificando e louvando a Deus por tudo que tinham visto e ouvido, conforme lhes tinha sido dito. 21Quando se completaram os oito dias para a circuncisão do menino, deram-lhe o nome de Jesus, como fora chamado pelo anjo antes de ser concebido.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Amanheceu, começou um novo dia, e com ele o ano-novo. Parece que o tempo passa, mas afinal o tempo fica, a gente é que vai passando. O tempo forma as horas que passam no mundo e forma os anos que nascem e morrem. Passemos então de ontem para hoje com um pouco da pressa dos pastores. Amanheceu o ano novo civil enquanto na liturgia vivemos as festas do Natal. Nasceu um Menino no seio de uma família. De natureza humana como nós e de natureza divina também. Enviado pelo Pai foi gerado pelo Espírito Santo no seio de Maria, de cuja carne se faz carne o Verbo eterno de Deus. Não é ela Mãe da Santíssima Trindade, mas é Mãe verdadeira do Verbo que é Deus.
São Cirilo de Alexandria, em 431, propôs aos Padres Conciliares reunidos em Éfeso que se desse a Maria não apenas o título de Mãe de Cristo, mas de verdadeira Mãe de Deus, e assim foi feito. E assim dizemos até hoje: “Santa Maria, Mãe de Deus”. Depressa foram os pastores até Belém para ver com os olhos o que os ouvidos ouviram da boca dos Anjos. Foram e viram José, o Menino e Maria, sua Mãe, que tudo guardava e meditava em seu coração. Feliz ano-novo!

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2016’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Preparo-me para a Leitura, rezando com todas as pessoas que circulam por este ambinete virtual, desejando a todas um pleno da graça e da paz de Deus, Com elas, rezo:
Jesus Mestre, que dissestes:
“Onde dois ou mais estiverem reunidos em meu nome,
eu aí estarei no meio deles”,
ficai conosco,
aqui reunidos (pela grande rede da internet),
para melhor meditar
e comungar com a vossa Palavra.
Transformai nosso coração em terra boa,
onde a Palavra de Deus produza frutos
abundantes de santidade e missão.
(Bv. Alberione)

1. Leitura (Verdade)
O que diz o texto do dia?
Leio atentamente o texto: Lc 2,16-21
Neste primeiro dia do ano, celebramos Maria, Mãe de Deus. Com ela contemplamos Jesus e meditamos no nosso coração, deixando-o plenificar pelo amor de Deus. Esta foi a primeira Festa Mariana que apareceu na Igreja Ocidental. Sua celebração começou em Roma no século VI.
Em 431, o herege Nestório se atreveu a dizer que Maria não era Mãe de Deus. Por isso, reuniram-se os 200 bispos do mundo em Éfeso -a cidade onde a Santíssima Virgem passou seus últimos anos- e iluminados pelo Espírito Santo declararam: “A Virgem Maria sim é Mãe de Deus porque seu Filho, Cristo, é Deus”. E acompanhados por toda a multidão da cidade que os rodeava levando tochas acesas, fizeram uma grande procissão cantando: “Santa Maria, Mãe de Deus, roga por nós pecadores agora e na hora de nossa morte. Amém”.
Na cruz, Jesus nos deu Maria como Mãe, ao dizer a João: “eis a tua Mãe”.
Em nossa Mãe Maria encontramos o caminho seguro que nos introduz na vida do Senhor Jesus, nos ajuda a nos conformar com Ele e poder dizer como o Apóstolo “vivo eu mas não eu, é Cristo quem vive em mim”.

2. Meditação (Caminho)
O que o texto diz para mim, hoje? Devo crescer na minha devoção a Maria, minha querida Mãe.
Hoje também é o Dia Mundial da Paz. Bento XVI nos faz uma saudação e um apelo:
“Por ocasião do início do Ano Novo, desejo expressar os mais ardentes votos de paz a todas as comunidades cristãs, aos responsáveis das nações, aos homens e mulheres de boa vontade do mundo inteiro. Para este 43º. Dia Mundial da Paz, escolhi o tema: “Se quiseres cultivar a paz, preserva a criação”. O respeito pela criação reveste-se de grande importância, designadamente porque «a criação é o princípio e o fundamento de todas as obras de Deus» e a sua salvaguarda torna-se hoje essencial para a convivência pacífica da humanidade. Com efeito, se são numerosos os perigos que ameaçam a paz e o autêntico desenvolvimento humano integral, devido à desumanidade do homem para com o seu semelhante – guerras, conflitos internacionais e regionais, atos terroristas e violações dos direitos humanos -, não são menos preocupantes os perigos que derivam do desleixo, se não mesmo do abuso, em relação à terra e aos bens naturais que Deus nos concedeu. Por isso, é indispensável que a humanidade renove e reforce «aquela aliança entre ser humano e ambiente que deve ser espelho do amor criador de Deus, de Quem provimos e para Quem estamos a caminho».

3.Oração (Vida)
O que o texto me leva a dizer a Deus?
Rezo com nossa Mãe Maria,
Ave Maria…
Com Maria, Mãe Mestra e Rainha dos Apóstolos, guardaremos tua Palavra, meditando-a no coração.

4.Contemplação (Vida e Missão)
Qual meu novo olhar a partir da Palavra?
Vou olhar o mundo e a vida com os olhos de Deus. Contemplarei toda a criação com o olhar do Criador que ama a cada uma de suas criaturas.
Bênção
– Deus nos abençoe e nos guarde todos os dias do novo ano. Amém.
– Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.
-Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém.
– Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.