Liturgia diária São Marcos evangelista

5ª Semana da Páscoa – Ano Litúrgico C

25 de abril de 2016

ORAÇÃO DO DIA

Senhor Jesus, contemplando tua ascensão para junto do Pai, assumo a tarefa de levar, ao mundo inteiro e a toda criatura, a mensagem do teu Evangelho.

PRIMEIRA LEITURA: 1Pd 5,5b-14

Leitura da Primeira Carta de São Pedro – Caríssimos, 5brevesti-vos todos de humildade no relacionamento mútuo, porque Deus resiste aos soberbos, mas dá a sua graça aos humildes. 6Rebaixai-vos, pois, humildemente, sob a poderosa mão de Deus, para que, na hora oportuna, ele vos exalte.
7Lançai sobre ele toda a vossa preocupação, pois ele é quem cuida de vós. 8Sede sóbrios e vigilantes. O vosso adversário, o diabo, rodeia como um leão a rugir, procurando a quem devorar. 9Resisti-lhe, firmes na fé, certos de que iguais sofrimentos atingem também os vossos irmãos pelo mundo afora. 10Depois de terdes sofrido um pouco, o Deus de toda a graça, que vos chamou para a sua glória eterna, em Cristo, vos restabelecerá e vos tornará firmes, fortes e seguros.
11A ele pertence o poder, pelos séculos dos séculos. Amém. 12Por meio de Silvano, que considero um irmão fiel junto de vós, envio-vos esta breve carta, para vos exortar e para atestar que esta é a verdadeira graça de Deus, na qual estais firmes. 13A igreja que está em Babilônia, eleita como vós, vos saúda, como também, Marcos, o meu filho. 14Sau­dai-vos uns aos outros com o abraço do amor fraterno. A paz esteja com todos vós que estais em Cristo. – Palavra do Senhor.
– Graças a Deus.

SALMO 88

          — Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor.
— Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor.

— Ó Senhor, eu cantarei eternamente o vosso amor, de geração em geração eu cantarei vossa verdade! Porque dissestes: “O amor é garantido para sempre!” E a vossa lealdade é tão firme como os céus.

— Anuncia o firmamento vossas grandes maravilhas, e o vosso amor fiel, a assembleia dos eleitos, pois, quem pode, lá nas nuvens ao Senhor se comparar e quem pode, entre seus anjos, ser a ele semelhante?

— Quão feliz é aquele povo que conhece a alegria; seguirá pelo caminho, sempre à luz de vossa face! Exultará de alegria em vosso nome dia a dia, e com grande entusiasmo exaltará vossa justiça.

EVANGELHO: Mc 16,15-20

         – O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Marcos.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, Jesus se manifestou aos onze discípulos, 15e disse-lhes: “Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a toda criatura! 16Quem crer e for batizado será salvo. Quem não crer será condenado. 17Os sinais que acompanharão aqueles que crerem serão estes: expulsarão demônios em meu nome, falarão novas línguas; 18se pegarem em serpentes ou beberem algum veneno mortal não lhes fará mal algum; quando impuserem as mãos sobre os doentes, eles ficarão curados”.
19Depois de falar com os discípulos, o Senhor Jesus foi levado ao céu, e sentou-se à direita de Deus. 20Os discípulos então saíram e pregaram por toda parte. O Senhor os ajudava e confirmava sua palavra por meio dos sinais que a acompanhavam.

– Palavra da Salvação
– Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

São Marcos. A ele se atribui o segundo evangelho, considerado o primeiro na ordem cronológica. Teria sido também o fundador da Igreja de Alexandria, no Egito, onde morreu mártir no dia 25 de abril de 68. Filho de Maria, que morava em Jerusalém, é primo de Barnabé. A família era originária de Chipre. Seria ele o jovem que fugiu envolto em um lençol por ocasião da prisão de Jesus. Segundo a tradição, acompanhou Pedro em sua tarefa missionária e seu evangelho refletiria a pregação petrina. Esteve com Paulo e Barnabé na primeira missão em Chipre, mas não perseverou. Voltou para a casa da mãe. Barnabé quis chamar João Marcos novamente quando estavam projetando mais uma viagem, mas Paulo preferiu não levar Marcos com eles. Foi quando Barnabé se separou de Paulo e foi com Marcos para Chipre. Paulo fez a viagem com Silas saindo de Antioquia. Em seu escrito, Marcos vê Jesus em luta aberta contra o poder demoníaco que se encarna em pessoas que tiram ou diminuem a dignidade humana. É também muito sensível ao que hoje se chama de carreirismo, vendo nele um perigo para quem quer ser discípulo de Jesus.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2016’, Paulinas

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Preparo-me para a Leitura Orante,
orando com todos que se encontram na rede da internet
Espírito de verdade,
a ti consagro a mente e meus pensamentos:
ilumina-me.
Que eu conheça Jesus Mestre
compreenda e me torne um/a anunciador/a
do seu Evangelho.

1- Leitura (Verdade)
O que diz o texto do dia?
Leio atentamente, na Bíblia, o texto: Mc 16,15-20, e releio as expressões mais fortes.
Jesus manda os discípulos irem ao encontro das pessoas, com um objetivo claro: anunciar o Evangelho. Não diz a eles para esperarem que as pessoas venham, mas para eles tomarem a iniciativa e irem comunicar a Boa Notícia.
Pela fé, coisas humanamente “impossíveis”, aconteceriam. Os discípulos foram e o Senhor estava com eles, os ajudava.

2- Meditação (Caminho)
O que o texto diz para mim, hoje?
Também eu sou uma pessoa convocada para ser discípulo/a e missionário/a de Jesus.
. O encontro com Jesus Cristo, é o ponto de partida de um processo que culmina na minha maturidade como discípulo/a e deve renovar-se constantemente pelo meu testemunho pessoal, e pela missão: “Vão pelo mundo inteiro”.
• A conversão é a minha resposta inicial no seguimento de Jesus Cristo;
• O discipulado me leva ao amadurecimento no conhecimento, na fé e no seguimento de Jesus Mestre.
• Vivo a comunhão, pois não pode haver vida cristã fora da comunidade: na minha família, na paróquia, no meu grupo.
. Sou uma pessoa em missão, que vivo a partilha de minha experiência de Deus aos outros.

3- Oração (Vida)
O que o texto me leva a dizer a Deus?
Rezo com Dom Pedro Casaldáliga:

Oração da Comunicação
Deus do Amor,
que te dás sempre em comunhão criadora,
Deus da Vida partilhada
frente aos processos de morte,
Deus da Palavra encarnada em Jesus de Nazaré,
a serviço da Verdade,
na convivência da Paz,
pelas veredas da História…
Ensina-nos a escutar
o silêncio e o clamor dos deserdados da Terra.
Ensina-nos a falar a Boa Nova do Reino
bem no alto dos telhados e no coração do mundo.
Que sejamos testemunhas da invencível Esperança,
que consagremos a mídia ao serviço do Evangelho
em abertura ecumênica,
em plenitude ecológica,
nos Povos da Nossa América,
em cultura solidária entre todas as culturas

4- Contemplação (Vida e Missão)
Qual meu novo olhar a partir da Palavra?
Com os bispos da América Latina e Caribe, sinto que posso procurar
“a) Conhecer e valorizar esta nova cultura da comunicação.
b) Promover a formação profissional na cultura da comunicação de todos os agentes e cristãos. c) Formar comunicadores profissionais competentes e comprometidos com os valores humanos e cristãos na transformação evangélica da sociedade, com particular atenção aos proprietários, diretores, programadores e locutores.
d) Apoiar e otimizar, por parte da Igreja, a criação de meios de comunicação social próprios, tanto nos setores televisivos e de rádio, como nos sites de Internet e nos meios impresso.
e) Estar presente nos meios de comunicação de massa: imprensa, rádio e TV, cinema digital, sites de Internet, fóruns e tantos outros sistemas para introduzir neles o mistério de Cristo.
f) Educar na formação crítica quanto ao uso dos meios de comunicação a partir da primeira idade;
g) Animar as iniciativas existentes ou a serem criadas neste campo, com espírito de comunhão.
h) Acompanhar leis protejam as crianças, jovens e as pessoas mais vulneráveis para que a comunicação não transgrida os valores e, ao contrário, criem critérios válidos de discernimento.
i) Ajudar tanto as pastorais de comunicação como os meios de comunicação de inspiração católica a encontrar seu lugar na missão evangelizadora da Igreja.“ (DAp, 486).

Bênção
– Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
– Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.
– Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém.
– Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém. Sugestão