Oração diária, O Reino é como um tesouro escondido num campo - Mt 13,44-46

20ª Semana do Tempo Comum – Ano Litúrgico C

23 de agosto de 2019

ORAÇÃO DO DIA

Pai, que eu seja decidido e rápido em desfazer-me do que me impede de acolher plenamente o teu Reino. Que meu coração nunca se apegue a coisa alguma deste mundo

PRIMEIRA LEITURA: 2Cor 10,17–11,2

Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios – Irmãos, 17quem se gloria, glorie-se no Senhor. 18Pois é aprovado só aquele que o Senhor recomenda e não aquele que se recomenda a si mesmo. 11,1Oxalá pudésseis suportar um pouco de insensatez, da minha parte. Na verdade, vós me suportais. 2Sinto por vós um amor ciumento semelhante ao amor que Deus vos tem. Fui eu que vos desposei a um único esposo, apresentando-vos a Cristo como virgem pura.

  • Palavra do Senhor.
    – Graças a Deus.

SALMO 148

— Vós jovens, vós moças e rapazes, louvai todos o nome do Senhor!
— Vós jovens, vós moças e rapazes, louvai todos o nome do Senhor!

— Louvai o Senhor Deus nos altos céus, louvai-o no excelso firmamento! Louvai-o, anjos seus, todos louvai-o, louvai-o, legiões celestiais!

— Reis da terra, povos todos, bendizei-o, e vós, príncipes e todos os juízes; e vós, jovens, e vós, moças e rapazes, anciãos e criancinhas, bendizei-o! Louvem o nome do Senhor, louvem-no todos.

— A majestade e o esplendor de sua glória ultrapassam em grandeza o céu e a terra! Ele exaltou seu povo eleito em poderio, ele é o motivo de louvor para os seus santos. É um hino para os filhos de Israel, este povo que ele ama e lhe pertence.

EVANGELHO: 

– O Senhor esteja convosco.
          – Ele está no meio de nós.
– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo São Mateus.
          – Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus à multidão: 44“O Reino dos Céus é como um tesouro escondido no campo. Um homem o encontra e o mantém escondido. Cheio de alegria, ele vai, vende todos os seus bens e compra aquele campo. 45O Reino dos Céus também é como um comprador que procura pérolas preciosas. 46Quando encontra uma pérola de grande valor, ele vai, vende todos os seus bens e compra aquela pérola”.

  • Palavra da Salvação
    – Glória a vós Senhor.

Comentário do Evangelho

Santa Rosa de Santa Maria nasceu no dia 20 de abril de 1586 em Lima, no Peru, de pai espanhol e mãe índia. Entrou na Ordem Terceira de São Domingos e viveu com o hábito dominicano numa pequena ermida no quintal de sua casa. Isabel Flores y de Oliva, assim se chamava, conhecida como Rosa por ter a beleza da flor, assumiu o nome religioso de Rosa de Santa Maria. Nunca viveu em convento. Era leiga de uma Ordem secular. Lima, na época, era conhecida como cidade religiosa não só pelo número de edifícios, mas também pelas pessoas que procuravam viver uma vida religiosa regular. Eram muito conhecidas as “beatas”, das quais Rosa era uma, com fama de santidade. A Inquisição visitou Rosa para verificar a autenticidade de suas visões e de seu conhecimento religioso. Dizem as crônicas que “os inquisidores ficaram pasmados diante da solidez doutrinal e da maturidade espiritual de Santa Rosa. Por meio da oração alcançara maiores conhecimentos da Divina Essência do que o mais douto e polido dos teólogos”. Foi a primeira santa canonizada do Continente americano. Morreu no dia 24 de agosto de 1617, dia de São Bartolomeu, como ela mesma tinha previsto. Dizia que se os homens soubessem o que é viver em graça, não se assustariam com nenhum sofrimento e padeceriam de bom grado qualquer pena, porque a graça é fruto da paciência. É Padroeira do Peru, de toda a América Latina e das Filipinas.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2019’, Paulinas.

LEITURA ORANTE

Oração Inicial
Memória de Santa Rosa de Lima. Rosa pertencia à Ordem Terceira Dominicana e foi uma mulher de grande caridade para com os pobres. Com a Palavra de Deus, que é força para a nossa vida e orientação para o nosso caminho, acolhamos neste dia a mensagem de Jesus. Em seu ensinamento está a alegria do tesouro e da pérola encontrados.
Rezemos: “Ó Divino Espírito, ensina-me tudo quanto Jesus ensinou. Dá-me inteligência para entender; memória para lembrar; vontade dócil para praticar; coração generoso para corresponder aos teus convites. Tira de mim o coração de pedra para substituí-lo com um coração sensível. Amém.”

Leitura (Verdade)
Este é o momento de compreendermos o texto. O que ele diz? Leia com calma e silenciosamente o Evangelho. Depois, leia-o novamente em voz alta e pausadamente. Quais parábolas são utilizadas para falar do Reino dos Céus? Destaque as palavras que mais chamaram sua atenção e procure compreender o seu significado no contexto da narrativa.
“Essas duas parábolas, que muito provavelmente já existiam juntas e são complementares, fazem parte das parábolas do Reino pronunciadas em casa aos discípulos (v. 36). As duas parábolas acentuam dois aspectos: o grande valor do tesouro e da pérola encontrados, símbolos do Reino dos Céus, e a atitude de quem os encontra. É no ensinamento de Jesus que o tesouro do Reino de Deus se encontra escondido e protegido. Quem o descobre experimenta grande alegria e engaja toda a sua vida para não perdê-lo. A pérola de grande valor encontrada é resultado de uma busca intencional. A aquisição do bem encontrado requer, como na primeira parábola, o engajamento de toda a vida. O Reino dos Céus é comparável a bens que ultrapassam infinitamente o valor que se poderia atribuir-lhe. Segundo essas duas parábolas complementares, quem descobre o Reino dos Céus nas palavras e nos gestos de Jesus fará a experiência de uma tal alegria que será capaz de sacrificar suas antigas convicções e seguranças. É essa exigência que Jesus faz ao jovem rico que queria ter a vida eterna (Mt 19,21); é o que São Paulo exprime de maneira tão lapidar: ‘o que era para mim lucro, tive-o como perda, por amor de Cristo’ (Fl 3,7)” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)
O que o texto diz a você hoje? Qual palavra encontrou sintonia com a realidade que você está vivendo? Você reconhece que o ensinamento de Jesus é o grande tesouro e a pérola valiosa que você tem procurado? Que outras perguntas o texto desperta em seu coração? Permaneça em silêncio por alguns instantes e contemple esta Palavra.
“É preciso investir no Reino dos Céus. E esse investimento é o que há de mais valoroso que Deus nos deu: a vida. Temos nossos sonhos, projetos, vontades, mas o Reino exige que abramos mão de tudo isso para deixar o agir de Deus comandar nossa vida. Quem encontrou o tesouro escondido vendeu tudo o que possuía, isto é, abriu mão de si mesmo para possuir aquele tesouro. E o texto enfatiza: cheio de alegria! Sem essa pulsação forte do coração, ninguém abraça o Reino. O mesmo ocorre com o negociante de pérolas preciosas. Encontrou uma que lhe custava tudo o que possuía. Como não entender essa venda na direção de uma vida doada ao Senhor, nossa maior pérola preciosa? Tenho coragem?” (Frei Mário Sérgio Souza, em “Viver a Palavra”, da Paulinas Editora).

Oração (Vida)
Apresente ao Senhor o desejo que brotou em seu coração e peça a graça de vivê-lo durante o dia. Faça sua prece de agradecimento ou pedido.

Contemplação (Vida e Missão)
O que você se propõe a viver concretamente neste dia? O que está sendo pedido à sua vida, aqui e agora?

Bênção

  • Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
  • Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
  • Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
  • Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas